NOTÍCIAS

Aqui você poderá ver tudo que foi publicado sobre a #VaiToto na imprensa.

FACEBOOK www.fb.com/VaiToto

– – – – – – – – – – – – – – – – –

 

Associação Gaúcha de Canicross comemora crescimento

Instituída com o objetivos de promover o bem estar animal e a qualidade de vida de tutores através do esporte, a Associação Gaúcha de Canicross (AGCani), iniciativa inédita no Brasil, completou dois meses no último dia 8 de junho. Com apoio de entidades representativas como o Conselho Regional de Medicina Veterinária, o clube de criadores de cães de raça Kennel Clube do Rio Grande do Sul, a prefeitura de Porto Alegre e o Governo do Estado, a AGCani conquista novos adeptos a cada apresentação.

A entidade é liderada por uma diretoria multidisciplinar sendo profissionais como jornalista, veterinária, educadores físicos, advogada e uma pedagoga. O presidente, Maurício Pinzkoski comemorou os bons resultados ilustrado pela participação em vinte e eventos além de conceder entrevistas em rádios, jornais e sites especializados. “Expomos o canicross em eventos nacionais de destaque como a feira  Fenasul/Expoleite em a corrida de rua Up Night Run, que ocorreu em Porto Alegre, reunindo mais de 5 mil participantes.” resumiu.

Conheça a diretoria
Eleita na primeira assembleia em 08 de abril, para uma gestão de três anos, os diretores da primeira associação do esporte canicross do Brasil são:

Maurício Pinzkoski – presidente: jornalista e relações públicas, formado na Unisinos (2005) com especialização em Gestão Empresarial e Marketing Digital pela Uniasselvi (2007). Pinzkoski também acumula o cargo de diretor de comunicação, tem 40 anos, é natural de Uruguaiana e residente em Porto Alegre.

Card_Diretoria_AGCani(Maurício)

 

Leticia Casonatto – secretária: pedagoga, formada na Unisinos (2005) é especialista em pedagogia neuropsicopedagogia pela Educinter (2006), tem 38 anos, é natural de Bento Gonçalves e também residente.

Card_Diretoria_AGCani(Leticia)

 

Ricardo Medina – diretor de patrimônio: educador físico formado no IPA (2001) e pós-graduado em Medicina Desportiva pela Amrigs (2001), tem 38 anos, é natural de Porto Alegre onde também vive.

Card_Diretoria_AGCani(Ricardo).jpg

 

Renata Capaverde – diretora técnica formada em educação física pelo IPA (2001) e adestradora pela FBAA, tem 40, é natural e residente em Porto Alegre.

Card_Diretoria_AGCani(Renata)

 

Rosaura De Marchi – diretora jurídica: advogada, formada na Ulbra em 1999, tem 47, é natural de Passo Fundo e reside em Porto Alegre.

Card_Diretoria_AGCani(Rosaura).jpg

 

Além dos diretores, a AGCani tem o apoio das seguintes marcas mantenedoras: Vai Totó eventos pet e human, Capaverde Dogrun e Clínica Jeito de Ser.

Ações sociais
“Somos uma associação sem fins lucrativos e, por isso, sempre pensamos em ações sociais beneficentes aos cães e tutores. Doações de ração e de tênis estão entre elas.” Esclarece o vice presidente Marcelo.

Próximos eventos
A #AGCani está se organizando para cumprir agenda de divulgação e demonstração do esporte #canicross. Se você tiver interesse em levar a entidade para sua cidade, entre em contato pelo whats (51-9.9941.1144) e converse com o presidente Maurício.

Junho
dia 11 – Novo Hamburgo: Cãominhada do SESC e Jornal NH

Dia 25 – Canoas: Arraial da Matilha

Julho
01 – Porto Alegre: palestra na inauguração de pet shop.

15 – Porto Alegre: demonstração no Kennel Clube do RS.

Agosto
19 – Porto Alegre: palestra no shopping Viva Mall.

26.08 – Esteio: demonstração de canicross na Expointer 2017.

Setembro
02 – Caxias do Sul – 2° Etapa do Campeonato Gaúcho de Canicross – Vai Totó.

 

– – – – – – – – – – – – – – – – –

 

Cusco prestigia homenagem à revista Bola em Jogo

WhatsApp Image 2017-06-06 at 21.17.xx

O representante da Cusco Equipe de Canicross, Ivã Aguiar, participou da sessão solene de homenagem aos 15 anos da revista Bola em Jogo na noite desta terça-feira, dia 07.06, em Gravataí.

A homenagem foi prestada pelo vereador Demétrio Tafras.

A Revista Bola em Jogo nasceu em 2002 e desde então desenvolve um trabalho social divulgando esportes e atletas, dando voz ao esporte amador dos municípios da região metropolitana de Porto Alegre.

O esporte canicross
Também conhecido como “corrida com cachorros”, o esporte canicross é original da Inglaterra. No Brasil, desde 2010, começou em Passo Fundo. A #CuscoEquipeDeCanicross é maior equipe de #canicross do Rio Grande do Sul e tem seu embaixador, Ivã, em Cachoeirinha para quem quiser conhecer o esporte.
Em 2017 a Cusco já participou de diversas provas como Maratona do Vinho (fevereiro), Audax (março) e Up Night Run (maio).

 

– – – – – – – – – – – – – – – – –

 

Esporte canicross estreia na Fenasul/Expoleite 2017

.IMG_5462.JPG

Técnicas do esporte canicross, equipamentos e a história foram apresentados ao público presente na Fenasul 2017, no Parque Assis Brasil, em Esteio. O objetivo da ação foi promover o esporte que envolve tutores e cães correndo em harmonia.

Chovia forte quando o presidente da Associação Gaúcha de Canicross – AGCani, Maurício Pinzkoski, e as diretoras da entidade, Leticia Casonatto, Rosaura de Marchi e Thais Silva iniciaram a apresentação do canicross. Entraram em pista, um casal da raça whippet  (Magrão e Olívia), uma fêmea da raça pastor alemão (Nikki) e uma outra fêmea SRD, Kira.

Além da apresentação de equipamentos, técnicas de corrida e dicas de como iniciar o canicross, Pinzkoski falou sobre a história do esporte que tem origem inglesa e foi trazido ao Rio Grande do Sul em 2010 pelo vice-presidente da entidade Marcelo Godoy. “O canicross é um esporte simples, mas que tem suas próprias regras sempre primando pelo bem estar animal e a qualidade de vida dos tutores e além de ser praticado em terreno irregular é permitido na cidade sendo chamado de dogrun”, explicou o presidente.

Para a veterinária Thais, o envolvimento do tutor com o cão proporciona inúmeros benefícios, entre eles a redução da ansiedade para o animal e, claro, seu tutor. “O gasto de energia de um cão, correndo, é surpreendente e traz benefícios físicos e mentais para ele”, relatou a diretoria da entidade.

Além da promoção do esporte, a função da AGCani é social já que através de eventos como a primeira etapa do Campeonato Gaúcho de Canicross – realizada pela Vai Totó e que reuniu 600 conjuntos, março passado, em Porto Alegre – a entidade arrecadou mais de 1 tonelada de ração para doação. Outras ações sociais também estão em gestação como a equipe social formada por jovens em vulnerabilidade e cães de rua adotados.

Para quem tiver interesse em conhecer o esporte canicross, a AGCani em parceira com a Cusco Equipe de Canicross, realiza os TAC – Treino Aberto de Canicross, às 7h da Redenção (quarta-feira) e no parque Germânia (sexta-feira). Mais detalhes no site www.fb.com/AGCani

Fotos: Gregório Nunes

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –  

 

Fenasul/Expoleite terá demonstração de Canicross

mr17amvn4745-f-radical-com-logo

No dia 27 de maio (sábado), às 11h, durante a programação da Fenasul/Expoleite, no intervalo do julgamento de classificação de fêmeas, conjunto e grande campeonato da raça holandesa, na pista do gado leiteiro, os exemplares da raça darão lugar aos cachorros para uma apresentação de #Canicross. O presidente da #AssociaçãoGaúchaDeCanicross (#AGCani), Maurício Pinzkoski, explica que serão em torno de 30 minutos de demonstração, quando serão apresentados dois conjuntos, formados por um tutor e um cachorro cada um, que farão uma corrida em torno da pista. Durante o evento, haverá ainda, uma exposição de fotos sobre o esporte.

Pinzkoski também falará um pouco sobre o que é o esporte e como surgiu no Brasil. Segundo ele, o Canicross é um esporte europeu que existe a pouco mais de 10 anos. Oriundo da Inglaterra, a atividade consiste na corrida do cão com seu tutor por terrenos irregulares (tipo cross). O seu início no Brasil foi em 2012, em Passo Fundo.

Segundo Pinzkoski, que também é organizador e promotor da Corrida e Caminhada Beneficente #VaiTotó, em Porto Alegre, a modalidade chegou em 2016, quando aconteceu a 1ª edição da corrida e caminhada, no dia 3 de abril. Já no primeiro evento, o esporte reuniu mais de 400 participantes e arrecadou duas toneladas de ração.

A competição do #EsporteCanicross existente no Estado é a Vai Totó, com segunda edição realizada em formato de circuito e três etapas no Estado. A primeira ocorreu em março deste ano, no parque da Redenção, em Porto Alegre, e reuniu público de 600 pessoas. A segunda etapa deve ocorrer no mês de junho, em Arroio do Sal e a terceira, em setembro, em Caxias do Sul. Além disso, toda semana, ocorrem os Treinos Abertos de Canicross (TACs), em Porto Alegre e Bento Gonçalves.

A Vai Totó é uma ação da empresa #Age!Comunicação que, através da montagem de eventos customizados, aproxima empresas do seu público foco. A Vai Totó tem três pilares fundamentais: qualidade de vida animal, bem-estar humano e lucro social.

A 13ªFenasul/40ªExpoleite ocorre de 24 a 28 de maio, no parque de exposições Assis Brasil, em Esteio. As inscrições da raça holandesa estão abertas e podem ser realizadas até o dia 12 de maio. O produtor deve informar o número do registro do animal por e-mail (administração@gadolando.com.br) ou telefones (51) 3336-2533, 3336-2067 e 99936-6167. Áreas estão sendo comercializadas diretamente na associação.

Programação da Raça Holandesa

Dia 22/05

08h – Inicio Entrada dos Animais

Dia 23/05

18h – Fim entrada dos animais para o Concurso leiteiro

Dia 24/05

06h – 1ª Ordenha Concurso leiteiro

12h – Fim entrada dos Animais Exposição

14h – 2ª Ordenha Concurso leiteiro

22h – 3ª Ordenha Concurso leiteiro

Dia 25/05

06h – 4ª Ordenha Concurso leiteiro

14h – 5ª Ordenha Concurso leiteiro

17h – Banho de Leite e Abertura Oficial

17h – Abertura Oficial 40ª Expoleite – 13ª Fenasul

Dia 26/05

14h – Julgamento de Classificação

Machos e Fêmeas Jovens

Dia 27/05

09h – Julgamento de Classificação Fêmeas, Conjuntos e Grande Campeonato

11h – Demonstração de Canicross

16h – Destaques Holandês 2017

– Entrega de Prêmios da Raça Holandesa
** Leite com Café da tarde

Dia 28/05

11h – Desfile dos Campeões FENASUL 2017

13h – Almoço de Confraternização e entrega de

Troféus Fenasul Destaques 2017

Luciara Schneid – RP 7540 – Assessoria de Imprensa Gadolando RS – (53) 98101-46-25 – (WhatsApp) (51) 99585-9767 (Vivo) Assessoria.gadolando@gmail.com

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –  

ARTIGO
Também é preciso evoluir no esporte

mau

Futebol, automobilismo, tênis, vôlei, corrida de rua, canicross. Canicross? Sim, corrida com cachorro. Os números, no Rio Grande do Sul e em todo o Brasil, indicam aumento de doenças crônicas e graves, obesidade e/ou depressão nos humanos e nos cães. Problemas e problemas decorrentes do sedentarismo.

Para aqueles que já praticam alguma atividade física, os desafios são diários, mas os benefícios também. Costumo dizer que na vida não há o ganha e perde. Ou você ganha, ou ganha. Por exemplo, se consigo levantar da cama e praticar canicross, ganho em minha resistência, saúde física e mental. Isso sem considerar o que meu cão ganha (baixa ansiedade, saúde física/mental, maior tranquilidade). Mas quem não pratica também ganha. Ganha em peso, em doença (e gasto em farmácia), ganha na depressão batendo à porta.

Por isso o esporte é tão importante na vida das pessoas. Por isso, até o esporte, deve e pode evoluir. Praticar corrida é ótimo. Eu faço há quase 5 anos. Mas praticar atividade física segura, divertida e leve, como é o canicross, é sensacional. É indescritível. É maravilhoso. Por isso nós criamos a AGCani, para que mais e mais pessoas/cães possam usufruir, de maneira segura e regulamentada, de um esporte oficial que cresce de modo exponencial no mundo.

Sejam bem-vindos. Bem-vindos a um mundo que não tenho palavras para descrever tamanha é a sensação incrível de correr com meu cão.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –  

Vai Totó entrega mais de 1 tonelada de ração

Promovida pela Age! Comunicação com o apoio da prefeitura de Porto Alegre, Grupo Record de Comunicação, deputada Liziane Bayer, Pampa e do Conselho Regional de Medicina Veterinária, a segunda edição da corrida e caminhada, ocorrida dia 26 de março, contou com mais de 600 pessoas no decorrer de suas diversas atividades.

O evento beneficente, que tem por objetivo promover a qualidade de vida animal e o bem estar humano, arrecadou mais de 1 tonelada em doações. “Neste ano, mesmo sem patrocínio, dobramos o volume de doações passando de 500Kg em 2016 para 1087Kg em 2017. Superamos as expectativas.” Confirmou o organizador Maurício Pinzkoski presidente da Associação Gaúcha de Canicross – AGCani.

A segunda edição da Vai Totó (2Km) foi válida pela primeira etapa do Campeonato Gaúcho de Canicross. A segunda etapa (4Km) está, inicialmente, prevista para junho, no litoral norte e a terceira (8Km) em setembro ou outubro, em Caxias do Sul.

Foram beneficiados os seguintes protetores e ONGs:
Matilha Vira-Latas
Amigo Bicho
Cão da Guarda
Patas Dadas
Protetora Lenita Antoniolli
Protetora Mila Lagomarsino
Protetora Shana Benhur
Sítio da Eneida
SOS Viralatas – Acyr Martins
Mais informações sobre as ações da Vai Totó acesse www.VaiToto.dog

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –  

Vai Totó promove a primeira etapa do gaúcho de canicross

DESCRIÇÃO: Corrida Vai Totó na Rdenção
Foto: Samuel Maciel – Correio do Povo
DESCRIÇÃO: Corrida Vai Totó na Rdenção
Foto: Samuel Maciel – Correio do Povo

Mais de 500 participantes abriram o inusitado e exclusivo campeonato gaúcho de canicross (corrida com cachorro). A primeira etapa da competição aconteceu dentro das comemorações do aniversário de Porto Alegre, no parque Farroupilha. Foram 2Km de corrida e de caminhada e diversas atrações na manhã de domingo, dia 26.

Além de iniciar o campeonato gaúcho, de forma oficial, a Vai Totó objetiva promover o bem estar animal e qualidade de vida dos tutores. “Nesta segunda edição trouxemos mais atrações, mas o nosso foco é o canicross,” comentou o organizador Maurício Pinzkoski.

A competição foi realizada nas categorias masculino, feminino e infantil. Destaque para as equipes de canicross Capaverde e Cusco.

O evento contou com a apoio das instituições Brigada Militar (Bombeiros), Secretaria de Esportes, Conselho Regional de Medicina Veterinária, Polícia Civil (Denarc) e das empresas Bayer, Frost/Supra e Empório Pet. As ONGs Patas Dadas e Cão da Guarda são as beneficiadas com a ração arrecadada. A próxima etapa do gaúcho de canicross será em junho em cidade a ser confirmada.

Confira a classificação das categorias:
Masculino
Luis Augusto Susin/Flecha – 9 pontos
Oliveira/Belinha – 7 pontos – Brigada Militar
Cesar Burigo/Lek – 5 pontos – Cusco Equipe de Canicross
Vinícius Silva Zimmer/ Punky – 3 pontos
Régis Wanti/Joey – 2 pontos – Silveira

Feminino
Manoela Dutra/Penelope – Capaverde Dogrun
Letícia Casonatto/Pipoca – Cusco Equipe de Canicross
Renata Capaverde/Nutella – Capaverde Dogrun
Daniela Borba/Churrus – Winners
Natália Maira/Aslan

Infantil
Helena/Minnie

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Nosso parceiros da Vai Totó 2017

cao_guarda_logoSMDS BRASÃO PMPA - Cor - Positivo - Horizontal.png

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

ARTIGO
Cachorro é tudo de bom? Pra saúde é!

RM17SJHAUDAX-1416

Para muitos essa pergunta é simples e clara de responder: sim. Para outros a resposta é não. Há quem deteste cães ou tenha medo deles. Mas o que quero trazer aqui é uma solução para a obesidade que cresce assustadoramente entre as pessoas mais jovens do Rio Grande do Sul.

Doenças crônicas como diabetes, hipertensão, arteriosclerose e colesterol alto são as que mais matam os sedentários. As pessoas ainda não se deram conta de que o descuido com a saúde abrevia a vida. É básico. É simples.

Do outro lado há um grande número de casos de doenças do tipo câncer em cachorros. Sim, pode ser alimentação. Mas sim, também pode ser relacionado à obesidade. Então temos cachorros e pessoas obesas. Cada vez mais obesas.

Assim, o novo esporte canicross (corrida com cachorro) pode ser uma alternativa para salvar muitas vidas tanto no Rio Grande do Sul quanto no Brasil. Trata-se de uma atividade em conjunto, ao ar-livre e que vai bem além do prazer de correr em um parque. Para mim o canicross é o melhor esporte do mundo. Você nunca mais corre sozinho e tem um parceiro fiel – e concentrado – enfrentando desafios contigo.

Sei que tem um número significativo de pessoas praticando corridas de rua. Também sei que tem um número ainda maior de cachorros que ficam todo dia em casa. Presos. Então por que não associar o esporte corrida com cachorro e começar a praticar o canicross agora? Pare de pensar e comece a agir. Aprenda e pratique canicross. Porque o seu coração, seu corpo e seu amigo fiel, merecem.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Canicross é destaque na primeira edição da Audax

AUDSJH173009106 c logo Clic

Manhã quente, abafada e desafiadora. Tudo parecia “normal” para os trezentos participantes da primeira etapa da Audax Trail Run que aconteceu sábado, dia 04, em São José do Hortêncio – RS. Tudo, exceto por quatro competidores – ou melhor, oito – que formaram conjuntos do novo esporte canicross. Isso mesmo, o pessoal da Cusco Equipe de Canicross participou do evento.

De um lado Letícia Casonatto e a Pipoca fazendo revezamento em dupla mista nos 24Km com Maurício Pinzkoski e Olívia, de outro Rosaura de Marchi com Kira e Camila Casarotto com Lek competindo, por categoria, nos 7Km. Essa foi a largada, e a chegada porque eles sempre terminam juntos.

MR17ADXSH4628 c logo Foco

“O pessoal pensa que estamos aqui de passeio. Nada disso. Somos treinados. Nós e nossos cães. Não viemos para passear”, comentou Letícia que é de Bento Gonçalves.

Já o organizador, Rossato, comentou que a aprovação do canicross, pelos participantes da Audax, foi tão grande que em etapas futuras o esporte terá uma categoria exclusiva.

MR17ADXSH3101 c logo

Resultados positivos
A participação da primeira equipe de canicross do Brasil, Cusco, foi para divulgar o esporte, mas não impediu que seus integrantes subissem ao pódio. Camila e Lek foram vice-campeões na categoria feminina 18 a 29 anos e a dupla dos canicrossers Maurício/Olívia e Letícia/Pipoca também faturaram o segundo lugar.

AUDSJH17558115 c logo Clic

O canicross
O esporte é recente e no sul do Brasil, a Cusco tem sido a equipe para participar e competir em provas do gênero trail. Para quem quiser conhecer e praticar a corrida com cachorro, basta acessar www.VaiToto.dog/Cusco ou tirar dúvidas pelo whats 51-999.4111.44.

AUDSJH173009080 c logo Clic

Vai Totó
No próximo dia 26 de março, no aniversário de Porto Alegre, vai acontecer a 2° edição da Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó. Os objetivos são de arrecadar ração para doação e divulgar o esporte. Inscrições, grátis, em www.VaiToto.dog

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Bento-gonçalvense é vice campeão da corrida Anomati Trail

anomati4-e

Era para ser um sábado (25) de carnaval comum no litoral norte do Rio Grande do Sul. Não para a bento-gonçalvense Letícia Casonatto da equipe de canicross Cusco, e uma centena de corredores que participaram da 1° etapa da Anomati Trail. O evento aconteceu ao som das marchinhas de carnaval, nas dunas escuras da beira-mar de Arroio do Sal. Foram duas provas, uma de 6 e outra de 12Km subindo e descendo pequenas e íngremes dunas seguindo por um estradão completamente escuro.

Além da participação especial, e do destaque de Letícia, a corrida também foi diferente pela participação inclusiva de uma deficiente auditiva, uma mãe com uma bebê no carrinho e o conjunto do novo esporte canicross, Maurício Pinzkoski e Olívia da #CuscoEquipeDeCanicross.

As provas da #Anomati são versáteis porque a cada etapa a distancia duplica, a de 6Km, por exemplo, fica 6, 12 e 24Km na última etapa. A segunda etapa da Anomati ainda terá data e local definidos e anunciados. Para quem quiser conhecer e começar a pratica #canicross em Bento Gonçalves, contatos com Letícia no telefone 54-98134-9005.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Número de obesos não para de crescer no Brasil

A obesidade não para de crescer na população brasileira. Dados inéditos, divulgados pelo Ministério da Saúde, revelam que a obesidade cresce até mesmo entre os que possuem plano de saúde privado.

Uma pesquisa feita pelo Ministério, em parceria com a Agência Nacional de Saúde Suplementar, aponta que o número de pessoas acima do peso ideal entre os usuários de plano de saúde cresceu 36% nos últimos sete anos. Hoje, atinge 17% desses usuários.

Por outro lado, as cirurgias para emagrecer também crescem. Este ano, mais de 100 mil pessoas devem passar pelo procedimento, contra 94 mil no ano passado.

Entre a população em geral, considerando crianças e adultos, a obesidade chega a incríveis 53,9% da população brasileira. Entre a população adulta, pouco mais de 50% são obesos.

Para o nutrólogo e professor José Ernesto dos Santos, da Faculdade de Medicina da USP de Ribeirão, a obesidade é um grave problema de saúde pública. Para ele, está tudo errado, desde a mídia, que incentiva o consumo que leva à obesidade, até o Estado, que falha em prevenir a população.

FONTE: http://jornal.usp.br/atualidades/numero-de-obesos-nao-para-de-crescer-no-brasil/

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Canicross estreia na Maratona do Vinho na serra gaúcha

img_4291com-logomr17amvn8774-f-radical-com-logo

Mais de 1000 corredores, neste domingo, dia 12.02, no Vale dos Vinhedos (Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul) subiram e desceram na Maratona do Vinho. Em meio aos corredores individuais, quartetos e octetos uma dupla chamou a atenção. O conjunto de canicrossers (como se chamam os praticantes do esporte canicross) Letícia Casonatto e a Pipoca – da Cusco Equipe de Canicross, ansioso, se destacava na largada.

A primeira bateria aconteceu às 7h30 com todos os participantes individuais. Às 7:35 aconteceu a largada das equipes de revezamento de duplas, quartetos e octetos. Letícia compôs o primeiro conjunto da #CuscoEquipeDeCanicross (com apoio da Age! Comunicação, Vai Totó e IERGS), que revezou os 44Km com as outras duplas Gregori Zamprogna e Madoff, Maurício Pinzkoski e Olívia e Camila Casarotto e Lek.

O percursoekg17mvn4487-com-logo
Os quase mil metros de subidas não assustaram as duplas de #canicross que treinaram para o grande desafio. “O Lek subiu muito bem surpreendendo no resultado final”, comentou Camila que foi a última a participar e a que mais enfrentou subidas em todo percurso.

Os desafios
mvinho17505681-com-logo
“Nunca é fácil realizar algo que jamais foi feito”, comentou o canicrosser #MaurícioPinzkoski sobre o grande desafio de montar uma equipe, treinar e participar de uma maratona de montanha. “Mas estamos muito satisfeitos em todos os sentidos, tanto que para 2018 o organizador sugeriu uma categoria exclusiva para nós, canicrossers,” finalizou Pinzkoski.

A equipe
Foram quatro apaixonados por cães e loucos por corridas, Letícia, Gregori, Maurício e Camila que, junto com seus cães, formaram a primeira equipe de canicross do sul do Brasil. “Não sabíamos como as coisas aconteceria. Tentamos marcar treinos em conjunto e infelizmente não conseguimos, mas a união de todos permaneceu e concluímos – com sucesso – o grande desafio. A semente está plantada e que surjam novos praticantes”, falou Gregori Zamprogna.

O esporte canicross
msj17mvn5461-com-logo
Existente desde 2000 e de origem europeia, o canicross – no Rio Grande do Sul – começou em 2015 em Passo Fundo. Em 2016 surgiu a Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó (em Porto Alegre) que promove a atividade. No mesmo ano os “treinões”, e a Cusco Equipe de Canicross, surgem  nos parques da capital incentivando e demonstrando o canicross. “Correr é fácil. Correr com um cão também é. E o canicross pode ser com qualquer cachorro de qualquer raça, desde que treinados”,  explicou Camila Casarotto.

mr17amvn4745-f-radical-com-logo

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Imprensa

2017 fev Site Câmara Municipal de Porto Alegre.jpg

Veiculo: Câmara de Vereadores de Porto Alegre
Data: 08.02.2017
Texto: assessoria de imprensa do vereador Rodrigo Maroni
Tags: semana de aniversário da capital, pll340/2017, vai totó, atração pet, porto alegre, qualidade de vida animal, bem-estar humano, seda
Link da publicação: http://www.camarapoa.rs.gov.br/noticias/os-pets-na-semana-de-aniversario-de-porto-alegre

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Imprensa

2017 fev Site Esporte em Gravatai.jpg

Veiculo: site Esporte em Gravataí
Data: 08.02.2017
Texto: deles
Tags: canicross, vai totó, porto alegre, Maurício pinzkoski
Link da publicação: http://esporteemgravatai.blogspot.com.br/2017/02/canicross-um-esporte-que-chega-forte-no.html

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Como evitar que cães e gatos sejam alvo de pulgas e carrapatos

Parasitas comuns nos bichinhos de estimação, as pulgas e os carrapatos se multiplicam a todo vapor no verão. Isso ocorre porque, quando os termômetros sobem, o ciclo de vida dessas pragas se torna mais curto, fazendo com que elas se proliferem ainda mais rápido, gerando infestações tanto nos peludos quanto no ambiente em que eles vivem.

Fugir do problema passa por medidas preventivas como uso de produtos específicos para evitar os parasitas — tanto em comprimidos quanto em versões líquidas aplicadas na nuca dos animais —, utilização de coleiras repelentes e cuidado redobrado na casa e no pátio.

— Quando falamos de pulgas, devemos pensar que 95% delas ficam no ambiente e 5% no animal — alerta o médico veterinário Carlos Petrucci, presidente da Comissão do Mercado Pet do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Rio Grande do Sul, .

E não adianta apelar para soluções caseiras como vinagre, sal ou querosene. Conforme o especialista, essas ações não eliminam as pulgas e os carrapatos, apenas fazem com que eles migrem de um local para outro. O mais indicado é aplicar produtos desenvolvidos especialmente para esta função.

Tutores também devem ficar atentos aos mosquitos

Pulgas e carrapatos provocam muito mais do que coceira: podem, inclusive, prejudicar a saúde dos animais. No caso das pulgas, o pet pode desencadear uma alergia à picada, problema conhecido como doença alérgica a picada de pulga (DAPP). Já os carrapatos podem deixar uma ferida aberta, o que é o bastante para que moscas depositem ovos e se criem as conhecidas bicheiras.

Como essas pragas são parasitas do sangue do animal, em quadros extremos de infestação, podem provocar fraqueza e anemia.

Petrucci também alerta para o uso de repelentes que afastem mosquitos, especialmente o Lutzomyia longipalpis, conhecido como mosquito-palha, transmissor da leishmaniose.

— Esta é uma zoonose grave que pode ser letal — explica.

O ideal, segundo o médico veterinário, é usar coleiras que contemplem a proteção contra todas essas pragas.

Importante:

— Para combater as pulgas, é preciso eliminar o problema no animal e no ambiente em que ele vive.

— Utilize produtos comprados em lojas especializadas e siga as orientações de uso.

— Limpe bem o ambiente e aplique produtos especiais para matar as pragas e os ovos.

— Nunca aperte um carrapato, pois ele pode disseminar os ovos pelo ambiente.

(Fonte: Jornal Zero Hora – 23.01.2017)

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Equipe de canicross faz doação de ração

16178885_1173890172727046_2725046492539941600_o

Nascida para promover a qualidade de vida animal e o bem estar humano através do esporte canicross, a #CuscoEquipeDeCanicross realizou a entrega de 380Kg de ração. O evento aconteceu nesta manhã de sábado (21) na Usina do Gazômetro, Porto Alegre, com o apoio da#AgeComunicação e o patrocínio da#CorridaeCaminhadaBeneficenteVaiTotó e do#InstitutoEducacionaldoRioGrandedoSul#IERGS.

Segundo o promotor do esporte e dirigente da equipe Cusco, jornalista Maurício Pinzkoski, o objetivo é espalhar praticantes de canicross pelo Brasil inteiro. “Somos a primeira equipe no sul do Brasil e a segunda no país. Já temos integrantes também na Bahia e Pernambuco. Convidamos, todos aqueles que gostam de esporte e de cães, a conhecerem o canicross”, comentou Pinzkoski.

A entrega da ração marcou o início da temporada de competição 2017. A fundação da equipe aconteceu em 24 de novembro de 2016 com a integração de onze atletas. Segundo Maurício, cada atleta #canicrosser fez uma doação e ganhou a camiseta oficial.

Receberam doações: protetores Shana Benhur – 50Kg, Mila Lagomarsino – 50Kg e a protetora Gisa Telles – 50Kg e as ONGs #BichoDeRua – 50Kg, #CãoDaGuarda – 50Kg, #SítioDaEneida – 60Kg e #SOSViralatas (Acyr Winckler) – 70Kg.

CONVITE: dia 26.03.2017 acontecerá a 2° Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó, em Porto Alegre. Inscrições grátis emwww.VaiToto.dog

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Canicross na praia

mr17ter5348-alta-marcio-rodrigues-foco-radical

Foi um domingo diferente na beira-mar de Torres, dia 15. Eram 8h da manhã quando foi dada a largada para a 3° #EcoRunning. Mais de 500 participantes percorreram as distâncias de 4, 8 e 16Km. O destaque deste ano de 2017 foi a participação do conjunto Maurício Pinzkoski e Olívia, da #CuscoEquipeDeCanicross.

O conjunto Maurício e Olívia se classificou em terceiro lugar na categoria 40-45 anos, prova de 8Km.

O esporte #canicross (corrida com cachorro em terreno cross) é um esporte novo. Iniciou no Reino Unidos à aproximadamente 15 anos. No Brasil, ele foi implantado em 2007 em Passo Fundo (RS), depois Rio de Janeiro 2014 e, desde 2016, em Porto Alegre no evento Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó.

Trata-se de um esporte envolvendo cão e tutor, mas que o ritmo é ditado pelo animal. “Uma das principais regras é respeitar o ritmo do cão. O canicross é tão contagiante, quem começa não corre mais sozinho”, comenta empolgado o promotor e atleta sogipano Maurício Pinzkoski.

Para quem quiser saber mais sobre o novo esporte canicross e praticar, entre em contato com Maurício pelo whats 51-99941.1144 ou acesse www.VaiToto.dog/Cusco.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Prestação de contas

x

O momento é de prestação de contas e a Câmara de vereadores foi escolhida, no meio dia de hoje, 15.12, para apresentarmos os excelentes resultados de 2 000Kg de ração doada, 10 pares de tênis e R$ 5390,00 também doados à proteção animal.

Nossa primeira agenda foi com a vereadora atuante na causa, Lourdes Spengler. “A audiência foi muito positiva e o nosso trabalho foi igualmente reconhecido pela vereadora que é um exemplo de vereadora da capital”, comentou Maurício Pinzkoski.

A seguir, o idealizador da Vai Totó – que já tem a segunda edição agendada para dia 26 de março de 2017 – visitou os seguintes gabinetes: João Carlos Nedel,
Thiago Duarte,
João Bosco,
Airton Ferronato,
Elizandro Sabino,
Marcelo Sgarbossa,
Bernardino Vendrusculo,
Guilherme Socias Villela,
Valter Nagelstein
e Rodrigo Maroni.
A II edição do maior evento pet do Rio Grande do Sul, Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó, desenvolveu três eventos neste primeiro ano (Corrida e Caminhada Beneficente, Treinões e Servidor Amigo) e, para 2017, tem cinco agendados (circuito Corrida e Caminhada Beneficente, Servidor Amigo e Natal Vai Totó no Barra Shopping Sul).
Mais informações ligue 51-99941.1144.

LEIA O JORNAL que foi distribuído: https://issuu.com/mauriciopinzkoski/docs/jornal_01_vai_tot___dez.2016

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Cachorro, esporte e adrenalina: a receita de Iury contra depressão

1
Foto Iuri Carvalho

Quem nunca ouviu dizer que o cão é o melhor amigo do homem? Esse ditado popular é vivido por Iury Carvalho e Guz. “Uma relação de pai e filho”, assim é como Juliana Passos, namorada de Iury, descreve a dupla. O companheiro de todas as horas do estudante de veterinária, é um cachorro da raça border collie, e acompanha seus donos em todas as aventuras esportivas. O trio sempre busca os esportes radicais para quebrar a rotina, o que ajudou a tratar uma crise depressiva do Iury.
Há oito anos, Iury Carvalho enfrentou uma crise depressiva, e mesmo com medicamentos e terapias, a superação foi dolorosa, segundo ele. Com o agravo da situação, Guz foi a solução para a doença. Além dessa ajuda, o cão levou o dono a um cotidiano regado a esportes, por se tratar de uma raça ativa, inspirou o pai Iury a mudança completa de vida.

2

– Tive uma forte crise depressiva que mexeu com toda a estrutura da família. Nenhum dos tratamentos possíveis aliviavam as crises de agressividade e baixa auto-estima. Um amigo meu, sabendo do amor que tinha por animais, conseguiu contato do único criador de Border Collie da cidade. Esta raça é considerada a mais inteligente do mundo, específica para pastoreio de ovelhas, porem habilidoso em comportamento e companhia.

Guz faz caiaque, natação, remada, patins, kart, corridas de trilhas, caminhadas em mata fechada e todas as atividades realizadas pelo casal Juliana e Iury. Quando Iury decide “brincar nos céus de Rondônia” seu filho e melhor amigo o aguarda ansioso no chão, e só não voa com o pai pois o casal ainda não encontrou a cadeirinha adaptada para o Guz.

– Ele fica louco quando o Iury salta, e mesmo com vários paraquedistas, ele sabe quem é o pai dele no ar. Quando chega mais perto do chão ele corre para recebê-lo com maior festa. Queremos que ele participe dos saltos, mas é necessário uma espécie de cadeira adaptada para esse tipo de salto e não a encontramos ainda – comenta Juliana.

Além da festa em terra enquanto Iury salta, Guz ama as aventuras aquáticas como canoagem, remo e natação. O “cãopanheiro”, como é chamado pelo casal, completou sete anos em outubro, e desde pequeno é ativo nas atividades da família.

Iury Carvalho comenta que todas as programações são pensadas para que Guz não fique de fora, desde os passeios em família, até a prática de esportes, das mais simples, como caminhada, até as mais inusitadas, como remar no Rio Madeira enquanto os botos saltam ao lado.

– Iniciei atividades esportivas por causa dele e percebi que Guz podia participar de alguns passeios aventureiros, como trilha em matas fechadas, corridas aleatórias, passeios de lancha nos rios, e como sempre, ele segue confiante na proa da barco pegando aquele ventinho no rosto que ele tanto gosta. Outra coisa que ele gosta muito é remar em caiaque, andamos muito no Rio Madeira, onde os botos nos acompanham dando saltos, coisa que o Guz fica louco. Nadar nos rios e lagos são atividades que ele participa como brincadeira.

Morando em apartamento, alguns estragos foram inevitáveis, como a mesa de madeira que foi toda comida pelo até então filhote. Iury relembra também dos momentos mais difíceis da crise, em que seu companheiro esteve presente auxiliando na recuperação da depressão, e como se entendesse as dificuldades, começou a transformar a tristeza em alegria.

– Ele conseguia perceber os momentos difíceis que eu ainda passava, apenas se repousando ao meu lado como se dissesse “tudo vai ficar bem, estou ao seu lado”. A energia que ele me transmitia era claramente sentida por mim nestes momentos. Hoje tenho certeza que ele aprendeu a conviver, em um espaço inadequado e desconfortável para ele por dois anos, que era o apartamento, e ainda obedecia sem fazer bagunças para não incomodar meus pais.

Vendo que o apartamento para seu filho e companheiro estava pequeno, resolveu mudar para uma casa com espaço maior, Iury diz que devia isso para o Guz que sempre respeitou a casa dos ‘avós’. A mudança de casa foi acompanhada das atividades físicas.

– A capacidade de entendimento dele sempre me surpreendeu, e surpreende até hoje. Mas a principal mesmo foi transformar meu sentimentos ruins em alegrias de todos os dias vê-lo pela manhã e noite quando chegava do trabalho. Ele é um animal de companhia que traz paz e positividade para mim, transformando vidas vazias em conforto que enche os dias com amor. O Guz conseguiu isso, mudou e transformou nossas vidas.

Iury Carvalho, Juliana Passo e Guz Carvalho em mais uma aventura em família (Foto: Iury Carvalho/ arquivo pessoal )

A dupla inseparável ganhou uma companheira, Juliana Passos, namorada do Iury  completou a festa, como diz Iury.

– Quando a minha namorada Juliana chegou na minha vida ela logo se apaixonou pelo Guz, e como é do feitio dele, ser sociável e amável com todos que gostam de animais, viraram mãe e filho. E por ser professora infantil, inseriu nosso filho em seu trabalho, então visitamos escolas mostrando para elas os cuidados com os animais, sendo ele a grande celebridade para as crianças.

Juliana comenta que quando conheceu Guz houve um amor instantâneo. A educação e o espírito aventureiro do cão encantou a professora, que trabalha com a inclusão de crianças com deficiências em aulas de educação física nas escolas municipais, e também já entrou nesse trabalho para ajudá-la.

3
– Não só companheiro de vida e aventuras, ele também me ajuda em meu trabalho, e as crianças amam. A terapia assistida por animais é uma atividade de grandes resultados. Aos poucos vamos inserindo isso no nosso dia a dia e já percebemos melhora.

Juliana ainda destaca que não há uma palavra que defina o Guz, pois não se imagina sem ele, e que onde chegam com o cãopanheiro todos já fazem festa. E nos dias em que o filho fica em casa, todos perguntam por ele.

Todo esse relacionamento é destacada por Iury como um presente que a vida proporcionou para sua cura, inclusive a prática de esportes. Também foi com sua convivência com o Guz que direcionou a escolha profissional do Iury que está no sétimo período de medicina veterinária.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/ 07.12.16

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Vitória do Canicross no Audax trail run
audax-foco-nov-2016

Em meio a trezentos competidores, dois conjuntos de #canicrossers foram os destaques: Maurício Pinzkoski/Olívia e Camila Casarrolo/Lek. Pinzkoski é organizador da primeira corrida canicross no Rio Grande do Sul, a #VaiTotó. Junto com a Olívia eles participaram da prova de 24Km na categoria revezamento dupla mista com Savana Soares. Já Camila e Lek percorreram a prova de 7Km em meio à natureza e paisagens deslumbrantes.

audax-nov-16

Essa estreia, das equipe de canicrossers, aconteceu no último sábado, dia 19.11.2016, durante a terceira etapa da Audax trail run realizada na serra gaúcha em Santa Maria do Herval.

audax-nov2016-baixa

Para Maurício Pinzkoski foi tudo perfeito. “Deu tudo mais do que certo. Treinamos muito para essa prova e a Olívia correspondeu bem aos exercícios. Nossa participação provou a aceitação de cães no evento. Agora seguiremos participando e promovendo esse esporte simples e maravilhoso que é o canicross”, comentou.

mr16adxmh843

O canicross é um esporte novo em que homem e cão desfrutam de uma atividade de corrida por terrenos tipo “cross”, com subidas, descidas e obstáculos. Para aqueles que ficaram interessados em conhecer o esporte, acessem o site www.VaiToto.dog e quem quiser participar de uma competição canicross, as inscrições – gratuitas – para a 2° Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó já está abertas no site. Informações: whats 51-99941.1144.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Agora até mesmo cachorros fazem triatlo

aaa
(Bloomberg) — Emily Thomas tinha um problema. Sua amada e enérgica cachorra, Tegan, uma mistura de husky e collie, arruinava a casa quando ela estava no trabalho.

Então ela resolveu levar Tegan para uma corrida rápida de manhã. Funcionou, e a rotina foi expandida para algumas corridas por semana. Às vezes ela ia de bicicleta. As aulas de natação vieram na sequência.

O que começou como forma de acalmar os nervos de Tegan se transformou em regime completo de treinamento de triatlo: Tegan fez 885 quilômetros em seu primeiro ano de treinamento, segundo o aplicativo Mushometer de Emily (como um Garmin para cachorros).

Com a expansão das indústrias de ciclismo e triatlo, esportistas que têm cachorros começaram a levar os bichinhos com eles. E então nasceu o competitivo esporte do triatlo para cachorros.

Uma competição pan-europeia, chamada Iron Dog, foi realizada durante sete anos consecutivos, promovida por uma organização austríaca de cachorros de corrida. Eventos similares surgiram na República Tcheca, na Hungria e na Alemanha. A competição Tridog chegará ao Reino Unido no ano que vem, a primeira do país.

Para se prepararem, Tegan e os outros dois cachorros de Emily estão treinando quatro ou cinco vezes por semana, amarrados a ela por cordas elásticas de grau marítimo em um kit de arnês atlético leve que custa entre 70 libras (US$ 87) e 150 libras. Cada cachorro precisa ter vários conjuntos.

“Os dois garotos gostam de água”, disse Emily. “Tegan não se interessou tanto.”

Foram necessárias seis sessões para deixá-la à vontade com a água, distraindo-a da natação com um jogo aquático de busca. “É intenso — e também não é barato –, mas eu queria que ela fosse capaz de nadar”, disse ela.

Assim como uma competição humana saudável, há benefícios para os cachorros. A husky de Emily, um cão de salvamento, sofria de angústia da separação. Quando Emily levou Tegan para correr com ela, notou também sua mudança de comportamento. “Eu tenho três cachorros com muita energia e tudo o que tenho que fazer é levá-los para uma corrida de meia hora de manhã. Dessa forma, eles ficam bem o resto do dia”, disse ela.

Gudrun Ravetz, presidente da Associação Britânica de Veterinária, também é triatleta. Sua cachorra labrador, Tess, corre com ela nas proximidades, mas provavelmente não esteja apta para o triatlo, segundo ela. Apesar disso, ela apoia o tridog. Uma pesquisa realizada pela associação aponta que cerca de dois terços dos veterinários estão preocupados com problemas de obesidade e saúde mental gerados por deixar cachorros sozinhos por longos períodos.

“Qualquer coisa que incentivar as pessoas a desfrutarem responsavelmente do tempo com seus cachorros ao ar livre é bom para a saúde mental e física do cachorro”, disse Ravetz.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

O que preciso saber antes de adotar um pet?

Em época de Dia das Crianças, muitas famílias podem se sentir motivadas a presentear os pequenos com um pet e aumentar a família. Mas será que essa é realmente uma boa ideia? É muito importante considerar diversos aspectos para garantir que o processo seja tranquilo tanto para a família quanto para o animal de estimação.

“Antes de tudo, é necessário que todos na família concordem em ter um bichinho e que fique claro que os pais serão os responsáveis por ele”, afirma Mauro Lantzman, médico veterinário especialista em comportamento animal e parceiro da COMAC (Comissão de Animais de Companhia). Isso porque, sozinhas, as crianças não têm consciência sobre as necessidades do pet, nem condições para cuidar dele. Dependendo da idade, já é possível ensinar como limpar a sujeira, dar alimento, ajudar no banho e sair para passear, por exemplo, mas sempre sob a supervisão dos pais ou responsáveis.

É muito importante deixar claro, nas atitudes e também verbalmente, que pets não são brinquedos. O que acontece é que, por conta da empolgação com datas comemorativas, esse importante fato, muitas vezes, é esquecido. Momentos assim pedem uma análise mais aprofundada, e racional, sobre o assunto. “Há grande estímulo para a adoção ao invés do comércio, mas, infelizmente, muitas pessoas adotam um animal como ‘teste’. Se não dá certo, esquecem-se do compromisso assumido e ele é devolvido ou, o que é muito pior, novamente abandonado”.

Por isso, apesar da vontade da família em ter um gato ou cachorro, é preciso levar em conta coisas como o espaço físico disponível vs. o tamanho do animal, situação financeira para custos com alimentação, vacinas e banhos, pensar no tempo de vida do bichinho, com quem ele ficaria em caso de viagens longas e no envolvimento emocional: um vínculo de amor será criado, haverá troca de sentimento, muita parceria e fidelidade entre a família e seu animal de estimação.

É indicado também que os pais procurem por um médico veterinário, especialista em comportamento animal. Ele poderá ajuda a identificar as características do pet mais recomendado para a família, que se adeque à rotina e combine mais com a personalidade das crianças, independente de raça definida ou não.

“Estudar e planejar sempre é recomendado. Falar com famílias que têm animais, pedir a orientação de especialistas, buscar por informações sobre idade e porte. Essas atitudes ajudam a tomar uma decisão de forma consciente”, finaliza o especialista.

Depois de tudo isso, se a decisão for mesmo a de aumentar a família e adotar um pet, é hora de curtir a vida com o novo amigo: afinal,#TerPetFazBem!

Fonte: Pets e Patas Cris Marques

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Conheça o esporte Canicross

C do Povo

Quer melhorar sua saúde a do seu amicão e ainda se aproximar dele? O novo esporte CaniCross te incentiva em cada uma dessas etapas. Com o CaniCross você pode se aproximar muito mais do seu cão correndo por trilhas, parques e caminhos nunca antes percorridos. O esporte consiste em correr junto com o seu cachorro unido, você e ele, através de um arnês e um cinturão.

Além de ser super saudável para ambos e receber todos os benefícios da corrida, o canicross une-o ao seu pet e facilita a comunicação entre ambos. Descubra o que precisa saber para praticar canicross e pratique este esporte junto ao seu cachorro.

Para praticar CaniCross você deve ter um cão em condições saudáveis, assim como você. Não há definição de raça, mas as que tem o focinho alongados têm mais facilidade.
O cachorro deve ir agarrado à cintura do seu dono com um arnês especial anti-puxões e um cinturão específico (costumam ser bastante compridos) que se colocará na cintura do dono para controlar a velocidade do cachorro.

O equipamento para a prática CaniCross é específico já que as guias tradicionais não têm os requisitos básicos de segurança e não são aprovadas em competições oficiais.

O que é necessário?

Cinturão para o corredor;
Arnês para o cachorro;
Uma guia amortecida;

É preciso, também, cuidar:

O animal deve ter no mínimo 12 meses;
Exames físicos de liberação do veterinário e de médico devem ser realizados com frequencia pelo cão e pelo tutor;
Cão com risco de agressividade não podem participar de eventos/competições sem focinheira;
O tutor não pode correr na frente do animal;

Quem pode praticar CaniCross?

Qualquer pessoa em condições de saúde e cães também. O ideal é a partir dos 7 anos de idade dos tutores e até 8 anos de idade dos cães (a partir dos 12 meses).

É preciso lembrar que, como dito antes, qualquer raça pode participar mas a raça Pug, por exemplo, tem dificuldade de respiração por isso não é indicada.

Rotina de treino

No Brasil o CaniCross é praticado em terrenos com terra, lama e obstáculos. O percurso pode variar de 2 até 10Km e as provas devem sempre respeitar bem-estar animal e a sua relação com o tutor.

Competição de CaniCross

Aqui no Brasil você encontra competições oficiais de CaniCross no Rio de Janeiro (organizadas pelo Willian da CaniCross Brasil) e no Rio Grande do Sul (organizadas pelo Maurício Pinzkoski – Vai Totó). Além disso, também já está sendo criada uma Federação Brasileira de Canicross para que a atividade ganhe mais visibilidade no país.

jornal-bela-vista-set-2016

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Estado australiano volta atrás na proibição de corrida de galgos

x

O Estado australiano de Nova Gales do Sul cedeu às pressões e voltou atrás em sua decisão de proibir as corridas de galgos em função das denúncias de uso de iscas vivas e matança de cães.

O primeiro-ministro do Estado mais populoso da Austrália, Mike Baird, havia denunciado maus-tratos generalizados dos animais e anunciado a proibição da corrida de galgos, mas acabou cedendo à pressão dos organizadores dessa disputa e apostadores.

A proibição foi motivada por uma investigação governamental que concluiu que milhares de galgos eram sacrificados porque não corriam o suficientemente rápido. E também indicava a crueldade no uso de iscas vivas, como porquinhos ou coelhos, que eram despedaçados.

Os organizadores das corridas propuseram toda uma série de reformas e o governo informou que criará um novo mecanismo para assegurar o bem-estar dos animais.

“Não se trata de uma volta ao status quo. As práticas bárbaras observadas devem desaparecer”, afirmou Baird.

Segundo a investigação, entre 48.891 e 68.448 cães foram sacrificados nos últimos 12 anos por serem pouco competitivos e a quantidade de ferimentos sofridos pelos animais fraturas de crânio ou coluna vertebral – foi sistematicamente escondida da opinião pública.

FONTE: Revista Istoé

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Vai Totó realiza evento beneficente em homenagem ao Servidor Público

img_6248-andressa-michels-copy

A segunda edição do evento pet-human Vai Totó, aconteceu na última sexta-feira (28), no Centro Administrativo Fernando Ferrari – CAFF, Porto Alegre.

O Servidor Amigo – Vai Totó foi uma das trinta e quatro atividades, promovidas Governo do Estado, que animou os visitantes.

img_6270-andressa-michels-copy

Doação de pets, bazar solidário, apresentação de adestramento, desfile de cães de raça e SRD, food truck, palestras informativas e produtos e serviços pet atraíram público de servidores, familiares e visitantes do local.

O organizador da Vai Totó, Maurício Pinzkoski, explica que apensar do evento ser realizado por uma empresa, existe a preocupação com o lucro social. “A Vai Totó se preocupa com a qualidade de vida animal, bem-estar humano e lucro social. Assim foi na I Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó (abril/16) que reuniu mais de quatrocentas pessoas e arrecadou 2 000Kg de ração para doação. Agora nosso segundo evento, doou mais de R$ 5 000,00 às protetoras da grande Porto Alegre” explica.

img_6276-andressa-michels-copy

Como uma pesquisa de satisfação com índice que ultrapassou 90% de satisfação, o evento Servidor Amigo – Vai Totó já está na agenda de 2017.

img_6268-andressa-michels-copy

Participe das ações da Vai Totó, cadastre-se como voluntário em http://www.VaiToto.dog.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

IMPRENSA

Evento #ServidorAmigoVaiTotó2016 na imprensa (clique nos links abaixo para acessar o conteúdo):

Servidor Amigo Vai Totó beneficia 11 protetoras de animais da grande Porto Alegre
http://www.sul21.com.br/jornal/servidor-amigo-vai-toto-beneficia-11-protetoras-de-animais-da-grande-porto-alegre/

Evento solidário beneficia 11 protetoras de animais de Porto Alegre (RS)
http://www.anda.jor.br/21/10/2016/evento-solidario-beneficia-11-protetoras-de-animais-de-porto-alegre-rs

Servidor Amigo – Vai Totó
https://allevents.in/porto%20alegre/servidor-amigo-vai-tot%C3%B3/178546082582512

Servidor Amigo – Vai Totó
http://www.wherevent.com/detail/Vai-Toto-Servidor-Amigo-Vai-Toto

Vai Totó transferido para essa sexta!
https://brechodasguriasgateiras.wordpress.com/

Evento com animais de estimação é atração da Semana do Servidor 2016
http://www.rs.gov.br/conteudo/248623/evento-com-animais-de-estimacao-e-atracao-da-semana-do-servidor-2016

O evento ‘Vai Totó’ foi transferido para sexta-feira
http://www.rs.gov.br/conteudo/248868/o-evento-vai-toto-foi-transferido-para-sexta-feira

Túlio jornal Zero Hora
http://zh.clicrbs.com.br/rs/opiniao/colunistas/tulio-milman/noticia/2016/10/pelo-ceus-do-brasil-7883275.html

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Evento com animais de estimação é atração da Semana do Servidor 2016

Foto:  Age! Comunicação

Vai ter latidos, desfile e doação de cães, na próxima terça-feira (25), no Centro Administrativo Fernando Ferrari (Caff), em Porto Alegre.
A atração “Vai Totó” integra a Semana do Servidor Público 2016 – Saúde e Cidadania, que será realizada de 24 a 27 de outubro,
pela Secretaria da Modernização Administrativa e dos Recursos Humanos (Smarh).
A ação objetiva levar esclarecimentos à população sobre qualidade de vida animal, proteção animal ativa e bem-estar humano.
Princípios relevantes, pois segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), quase 50 % dos lares brasileiros
possuem pelo menos um cachorro.

Das 11h às 18h, na área em frente à rampa da Secretaria da Educação, o público que frequentar o Caff vai contar com atrações que abrangem
de consultas veterinárias, bazar solidário, doação de cães e gatos (castrados e vacinados), demonstração dos cães da Brigada Militar,
adestramento e desfile de cães até ponto de food truck.
Haverá também três palestras sobre cuidados que devem ser dispensados aos animais.
Todas as atrações são gratuitas, com exceção da consulta veterinária, que se dará mediante doação de ração.

A “Vai Totó” é uma ação da empresa Age! Comunicação, de Porto Alegre, que desenvolve ações que colocam em contato empresas privadas,
associações e entidades com o público tutor e animais e, em algumas ações, conta com apoio de órgãos públicos.
Os voluntários da Vai Totó visam transmitir conceitos de respeito à vida do animal, como afeto e cuidados que proporcionem qualidade de
vida aos bichos e bem-estar humano.

Acompanhe a programação:
11h – Abertura oficial com apresentação dos cães do Batalhão de Operações Especiais da Brigada Militar;

11 às 18h – Doação de cães e gatos (Pátio das Bandeiras do Caff);

11 às 18h – Bazar solidário (Pátio das Bandeiras do Caff);

12 às 15h – Consulta veterinária (mediante doação de ração);

13h – Palestra sobre o Novo Esporte CaniCross (Auditório Paulo Freire no térreo do Caff);

14h – Palestra Adoção Responsável (Auditório Paulo Freire no térreo do Caff);

15h – Demonstração de adestramento (Pátio das Bandeiras do Caff);

16h – Palestra Políticas Públicas para Animais Abandonados (Auditório Paulo Freire no térreo do Caff);

17h – Desfile de cães de raça e SRD pelo Kennel Clube do RS (Pátio das Bandeiras do Caff)

O link para inscrições napalestraé: https://goo.gl/WX9nHi

Programação completa da Semana do Servidor no link: goo.gl/LUyS5A

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Cachorros velozes do irmão estimulam Claudia a dar primeiro passo na corrida

a
Corredora recebe o carinho do Greg e da Lua: é a cachorrada atleta e empolgada (Foto: Igor Christ)

Há pouco mais de um ano, a carioca Claudia Klein, literalmente, se arrastava com os impactos dos problemas de saúde acumulados por muito tempo em que a prioridade foi só o trabalho. O resultado: 12kg acima do peso, taxas de colesterol nas alturas, uma cirurgia para a retirada de nódulos no seio, dor nas costas, cansaço e depressão. Sabia que deveria mudar hábitos logo.

– Praticar esporte? Sentia raiva só de pensar no que isso significava e por ter certeza que essa definição não fazia parte do meu dicionário – lembrou Claudia, de 45 anos e que pesava 72kg.

Cachorro surfista faz sucesso na praia ao encarar ondas no SUP com o dono

A mudança de postura dela começou com uma “ajudinha” de dois cães da raça golden retriever, Lua e Greg, necessitados de exercício físico e de um irmão que decidiu levá-los para passear todos os dias pela manhã. Foram muitas caminhadas pela Lagoa Rodrigo de Freitas, um dos cartões postais do Rio de Janeiro. Os animais foram fundamentais para ajudá-la a se mexer.

– Os três iam passear todo dia. Minha cunhada resolveu acompanhá-los e, na sequência, eu me juntei ao grupo. Eles adoram o passeio – contou ela, sobre esse começo de mudança de hábitos.

No início, Claudia caminhava sentindo cansaço e contando os passos para retornar para casa. Mas, fazendo isso dia após dia e encontrando outras pessoas se exercitando, os passos foram ficando mais seguros e determinados. Os cães ficaram no passeio e ela virou uma corredora.

– Um dia, resolvemos correr o quarteirão e eu quase morri. Outro dia, outra tentativa, fracasso, desânimo, alegria, aumento tímido de distância, vontade, misto de admiração e inveja dos que passavam correndo por mim. Errava, tentava, até que em algum momento eu corri de verdade.

Um ano depois, foram 8kg a menos e uma Claudia bem mais magra, saudável, em constante movimento e apaixonada pela corrida. Foram diversas provas de 5, 10, 15km e meia maratona agora em 2016. A prova de 21km dentro da Maratona do Rio foi a conquista mais significativa dessa nova fase da vida da carioca, agora com 60kg.

– A corrida me trouxe novos caminhos, novos e saudáveis hábitos, novos amigos e me ensinou a estar mais atenta ao momento. Me fez perceber o poder de me desafiar e de respeitar os limites.

Empolgada com os resultados, Claudia olha para frente e a linha de chegada está no horizonte. Ela garantiu inscrição para a Volta da Pampulha (Belo Horizonte) e a São Silvestre (São Paulo). Em 2017, quer encarar a primeira maratona. Para isso, conta com todo incentivo e orientação.

– Hoje tenho o acompanhamento de uma nutricionista, faço parte de uma equipede corrida e tenho uma personal trainer que cuida do meu treino de força. Eu quis, eu fiz, mas a verdade é que sem a ajuda e o apoio dessas pessoas eu não teria conseguido nada disso – encerrou ela.

FONTE: Jornal Floripa

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

CONVITE
4° Treinão CaniCross – Vai Totó

222

Chegou a hora pessoal e aumigos.
Sim, já temos a data do nosso próximo Treinão CaniCross – Vai Totó.
Interação, diversão, sorteios de brindes, doação de ração, tudo isso com a grande NOVIDADE do esporte CaniCross.
Vem com a gente.

Confirme a participação de vocês no link abaixo:
https://www.facebook.com/events/1083793771709125/

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

CONVITE
Evento Servidor Amigo – Vai Totó

capa-face-vai-toto-servidor

Porto Alegre vai sediar mais um evento Vai Totó, depois da I Corrida e Caminhada Beneficente, que foi realizada em abril na Redenção reunindo mais de quatrocentas pessoas e arrecadando duas toneladas de ração, e dos Treinões que vem sendo realizados nos parques da cidade divulgando o novo esporte CaniCross, chegou a hora de uma homenagem aos servidores públicos.

O evento intitulado Servidor Amigo – Vai Totó, acontecerá no dia 25.10, terça-feira, das 11 às 18h no CAFF – Av Borges de Medeiros 1501 (com estacionamento), e contará com inúmeras atrações.

Confira a programação:
+Consultas veterinárias em troca de ração doada
c

+Bazar solidário (venda produtos de ONGs e protetoras)
f

+Doação de cães e gatos (castrados e vacinados)
a

+Demonstração dos cães da Brigada Militar
TOT_1385

+Palestra
*Adoção responsável;
*Novo esporte CaniCross;
*Políticas públicas para animais abandonados

+Food Truck

+Demonstração de adestramento

+Desfile de cães (diversas raças e sem raça)
d

+Venda de ração e produtos pets
e

+Consultas veterinárias em troca de ração doada

Venha participar, adotar, participar das nossas palestras. Tudo grátis. E, se você quiser ajudar, traga um quilo de ração que doaremos aos aumigos necessitados.

Mais informações 51-9941.1144 Maurício Pinzkoski

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Os cães também têm alergia ao pólen

2

Na medida em que quase um em cada sete cães sofrem de algum tipo de alergia, não só ao pólen, mas também a pulga, alimento, poeira e mesmo tecidos como o nylon.

Como acontece nas pessoas, as alergias caninas envolvem o sistema imune do cão que reage de forma exagerada na presença de determinadas substâncias. No caso de alergias ao pólen, o animal é muito sensível (é hipersensível) à poeira carregada de gametas masculinos que liberam durante vegetais, a fim de reproduzir.

Sintomas
Um dos mais comuns é a vermelhidão da pele e prurido. Nesse caso, recomendamos uma visita ao veterinário para avaliação.

A primeira orientação é para monitorar o comportamento do cão. Arranhões e lambidas exageradas podem mostrar sinais de que é hora de uma consulta. Morder a pele também é outro sinal importante.

Esses comportamentos compulsivos são sinais de que o amigo peludo pode ser alérgico a pólen. Prurido é normalmente nos arredores dos olhos. Além disso, ele pode afetar os olhos, os ouvidos – e infecta-los – axilas local em que a pele do cão é mais delicada.

Antes do aparecimento de qualquer um desses sintomas, você tem que ir ao veterinário. O médico pode tratar o cão e, quando necessário, fornecer medicação adequada para protegê-lo a partir do pólen.

Como podemos evitar esse tipo de alergia?
A primeira premissa é remover o pólen (ou alergénio) da lata. Uma dica é patas cuidadosamente limpos e almofadas do animal após os passeios.

Os banhos também são uma outra maneira eficaz para remover restos de plantas que podem ter ficado presos no pêlo do amigo de quatro patas.

Finalmente, alienar nosso animal de estimação a partir de áreas onde há mais pólen, mas também mais vegetação, é essencial, então não afetam os outros. E fazer suas caminhadas longe vegetação que pode afetá-lo.

Fonte: http://www.expertoanimal.com

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Cachorrinhos desfilam tendências no Pet Fashion Week

1

Coleiras de pérolas, vestidos floridos e muito brilho deram o tom da 7ª edição do Pet Fashion Week realizado no Armazém Rural da 205 Norte, na manhã deste sábado (17/9).

O evento, inspirado na semana de moda internacional, reuniu cerca de 50 cãezinhos e dezenas de crianças e amantes dos pets. Três jurados avaliaram os candidatos, dentro das categorias: luxo, harmonia, principiantes e criatividade no look. Os vencedores faturaram pacotes de ração.

Uma passarela foi montada na área externa do estabelecimento. Luzes coloridas e telões também foram colocados no local. O evento foi aberto ao público, que pôde inscrever seus pets antes das apresentações. O primeiro animal a desfilar no tapete vermelho foi o Sushi, um gato da raça Maine Coon. Ele fez uma participação especial.

Anthonianne Levenhagen é professora de tricô e leva a sua cachorrinha, Pedrita Beatriz, de 11 anos, todos os anos para o evento. O charmoso vestido com estampa de oncinha da yorkshire foi feito por Anthonianne, especialmente para o desfile.

As cadelinhas da raça shih tzu, Bolinha e Pipa, também exibiram trajes elaboradas pela dona, a pequena Verônica de Paula de nove anos. Ela recortou sua saia de tule, usada no ballet, para elaborar saias sob medida para as cadelinhas.

A jornalista Mariana Torres, que levou seus cãezinhos para o desfile, afirmou que a iniciativa reforça a socialização dos animais. “Existem poucos eventos como este em Brasília. Acho importante participar porque melhora interação deles com os outros animais”.

Fonte: site http://www.metropoles.com Foto: Gabriel Pereira

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

ENTREVISTA
Ao site Travinha
Conheça o CaniCross, um esporte bom pra cachorro e para o seu dono também

C do Povo

Correr na rua, em meio a natureza, na praia e em lugar a céu aberto é uma prática esportiva que vem integrando cada vez mais o dia a dia das pessoas. Agora, você já pensou poder correr com a companhia do seu cão? Para isso, uma nova modalidade vem surgindo no Brasil: É o CaniCross.

Essa modalidade, que tem competições realizadas no Rio de Janeiro e em São Paulo, também está crescendo em Porto Alegre, na capital dos gaúchos, graças à Vai Totó.

Como site divulgador de modalidades que são pouco conhecidas pelas pessoas, o Travinha Esportes entrou em contato com o jornalista Mauricio Pinzkoski, fundador da Vai Totó, para explicar o que é essa modalidade, como praticá-la e os cuidados que devemos ter. Confira abaixo a entrevista e comece a praticar o CaniCross com o seu cão!

ENTREVISTA completa http://www.travinha.com.br/travinhanoticias/9236-canicross/5837-2016-09-14-12-56-26

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –
Cresce o esporte CaniCross em Porto Alegre

3-treinao-set-2016
Foto: Correndo com André

Com o apoio da Secretaria Municipal de Esportes – SME, Capaverde Dogrun, Canal Correndo com o André e da ONG Cão da Guarda, aconteceu, neste sábado (10), no Parque Marinha do Brasil, o 3° Treinão CaniCross.

Segundo um dos organizadores, Maurício Pinzkoski – Vai Totó, o crescimento do esporte CaniCross no Rio Grande do Sul, vem sendo escalonado. “Começamos com a Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó que reuniu mais de 400 pessoas e arrecadou duas toneladas de ração. Agora estamos promovendo o esporte que é fácil, inclusivo e social. Tudo isso com o apoio da Bayer, Premier Rações e Farmácia Jockey Clube”, resume o corredor Pinzkoski.

O Treinão contou com a presença de vinte duplas (cão e tutor) que se divertiram e confraternizaram correndo por dentro do parque. Os conjuntos também assistiram a mini-palestras (técnicas do CaniCross e qualidade de vida animal associada aos esportes), participaram de sorteios e ainda fizeram doações ao Bando do Tênis da SME.

“Na primeira edição éramos apenas quatro. Na segunda já saltamos para oito. Hoje, com este sol maravilhoso, atingimos vinte duplas que conheceram e praticaram o CaniCross”, comentou a adestradora e preparadora física Renata da Capaverde Dogrun.

Os eventos da Vai Totó além de promoverem a qualidade de vida animal e o bem-estar humano, também têm preocupação com o social.

Todos os meses os “Treinões” são realizados. Em outubro a data e o parque ainda serão escolhidos. Ao término do 3° Treinão, Maurício Pinzkoski convidou a todos para participar da assembleia (dia 24.09 na Assembleia Legislativa) de formação da associação de CaniCross.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Empóriopet® traz para 15º edição da Pet South America estratégias eficazes para agregar valor

Indústria 100% gaúcha, referência em cosméticos sustentáveis e ecologicamente corretos para pets, a empóriopet® amplia sua participação na 15ª edição da PET SOUTH AMERICA que ocorre entre os dias 30 e 31 de agosto e 01 de setembro de 2016 no Pavilhão Verde do Expo Center Norte, em São Paulo, trazendo stand interativo com diversas atrações especiais e seus groomers especialistas e também a palestra na Arena do Conhecimento sobre o tema “agregar valor ao seu negócio”.

Kaká Cerutti, profissional responsável pelo Marketing da indústria, ministrará a palestra “Diferenciação é o Segredo com Neuromarketing e Marketing Sensorial” abordando conceitos, conhecimento e exemplos de como os negócios diferenciam-se no mercado através do entendimento da forma que o cérebro do consumidor reage aos estímulos do marketing sensorial dentro do ponto de venda e como gerar o engajamento emocional através destes estímulos, munindo os participantes de aprendizados importantíssimos para agregar valor aos seus negócios. Na grade, a palestra ocorrerá no dia 1º de setembro, às 14h, na Arena do Conhecimento.

Já para o seu stand de número 482, a empóriopet® preparou muitas novidades! Reuniu celebridades do mundo pet e convidados especiais para presentear o público com muito carinho e atenção; um backdrop gigante como cenário incrível para fotos; a presença dos groomers especialistas empóriopet® no palco apresentando técnicas de tosas diferenciadas e penteados exclusivos e uma surpresa que encantará quem passar pelo stand e conversar com os consultores. O destaque é dado para a sala de audiovisual, onde é apresentado o vídeo estratégico que mostra na prática como a empóriopet® faz para entregar valor aos seus clientes, mostrando o intangível que nem todos percebem e que diferenciará os negócios, tornando-o mais competitivo com rentabilidade alto custo-benefício. Esperamos por vocês!

Serviço:
15ª Pet South America
De 30 de agosto a 01 de setembro de 2016
Das 13h às 21h
Expo Center Norte – Pavilhão Verde – São Paulo/SP

Mais sobre a empóriopet®
Pioneira em cosméticos ecologicamente corretos para estética animal, a empóriopet® atua desde 2005 com a missão de trazer ao mercado um novo conceito de cosméticos sustentáveis para higiene e beleza animal, produzidos a partir de extratos de plantas, flores e óleos vegetais com altas características de renovação ambiental. Ousadia e pioneirismo sintetizam o posicionamento da empóriopet® ao longo de seus 10 anos.

Mais informações em http://www.emporiopet.ind.br, pelo e-mail sac@emporiopet.ind.br ou ainda através das nossas redes sociais, no Facebook, Twitter, Instagram e Youtube.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

NA IMPRENSA
Vai Totó 2017

xxxx

https://nl.fievent.com/e/ii-corridas-e-caminhada-beneficente-vai-toto/3736234

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

NA IMPRENSA
3° Treinão de CaniCrossRS Vai Totó

aaa

http://www.wherevent.com/detail/Vai-Toto-3%C2%B0-Treinao-de-CaniCrossRS-Vai-Toto

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

NA IMPRENSA
3° Treinão de CaniCrossRS Vai Totó

x
http://www.evento.br.com/eventos/1496964/3-treinao-de-canicrossrs-vai-toto

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

3° Treinão de CaniCrossRS Vai Totó

IMG-20160702-WA0016

Que tal se reunir com uma galera que adora exercícios e cachorros e ainda aprender sobre o mais novo esporte no Rio Grande do Sul, o CaniCross?

Isso ae, nosso evento será bem bacana e contamos com a tua participação. Aproveita e traz um amigo, vizinho e familiar para dar aprender também.

Inscrições gratuitas no link: https://www.facebook.com/events/1064994803554413/

APOIO: Kennel Clube do Rio Grande do Sul

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Dia do Amicão 2016

Com atração como feira de doações de cães adultos e filhotes (ONG Bicho de Rua), Dr. Pet (Bayer), sorteios e um bate-papo com o adestrador Velasques, o Dia do Amicão, promovido pelo Shopping Total com o apoio da Mundo Animal, Bayer e Total Ração, foi bem prestigiado nesta manhã de inverno, dia 23.07, em Porto Alegre.

Confira, um pouquinho, em nosso vídeo abaixo:

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Fim de semana é pet em Porto Alegre

IMG-20160702-WA0015
CaniCross no Parcão às 15h

Que a capital dos gaúchos tem muitos e muitos pets isso já é do conhecimento da maioria. No próximo final de semana, sábado e domingo, dias 23 e 24, você e seu pet terão muitas opções de eventos.

Confira agenda especial e participe com seu pet:

Sábado (23)

x
Bayer apoia evento

10 – 13h – Amicão, Shopping Total. Organizado pela pet shop Mundo Animal, com apoio da Bayer e da Equilíbrio ração, o evento no Total promete bate-papo sobre adestramento e desfile de cães e donos. A participação depende da doação de 2Kg de ração que serão doadas à ONG Bicho de Rua. A organização informa que haverá premiação do desfile.

xx
Um dia de pet no Iguatemi

12 – 20h – Pet Day, Iguatemi. O primeiro evento que servirá cerveja e cupcake para pets. Isso mesmo, cerveja e doces específicos para cães.  O evento, segundo notícia publicada na Zero Hora, reunirá o que há de melhor e mais inovador no mercado pet. Exclusivamente nesse dia, os clientes poderão curtir o passeio no shopping com seus bichinhos. O Pet Day acontecerá no piso L2 entre 12h e 20h.

CaniCross
Novo esporte no RS

15h – CaniCross, Cachorródromo do Parcão (em frente à escola Uruguai). O CaniCross é um esporte novo que nasceu na Europa. A prática do esporte é simples: um cão (com equipamento específico) puxa o corredor a pé, de bike, triciclo ou skate, em um terreno tipo cross.

Essa será a segunda edição do Treinão CaniCross organizado pela Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó.

O evento terá uma breve apresentação do CaniCross e um “treino” de uma volta no Parque Moinhos de Vento (2Km). A participação é gratuita, mas a organizadora Letícia Soares pede para chegar uns 15 minutos antes.

xxx
3° edição será especial

10 – 16h – Feira de Doação Focinhos de Amor, Hotel da Fashion Dog. A 3ª edição do evento promovido pelo projeto Focinhos de Amor, conta com o apoio do hotel Fashion Dog. Haverá doação de cães e gatos, filhotes e adultos. Para quem quiser participar doando, a Focinhos informa que necessita de ração, jornal e produtos pet. Além da feira também acontecerá um brechó. A 3ª Feira de Adoção da Focinhos de amor vai acontecer na Travessa Jaguarão, 194, bairro São João.

Domingo (24)

xxxx
Bellos Pelos promove evento no Kennel

13h – Seminário sobre Shih Tzu e Poodle, Kennel Clube do Rio Grande do Sul. Específico para raças Poodle e Shih Tzu, o seminário promovido pela Bellos Pelos será apresentado por Johnatan Skolimoski. Para participar é preciso inscrição prévia no valor de R$ 250,00. Detalhes 51-3037.1647. O Kennel Clube fica na Rua Múcio Teixeira, 724, no Menino Deus.

ERRATA: O evento no Shopping Iguatemi foi realizado na sede de Florianópolis e não em Porto Alegre

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Evento pretende arrecadar doações de ração, roupinhas e acessórios para ONGs

x

No próximo dia 27 de agosto de 2016, a partir das 9h da manhã, a zona norte de São Paulo será palco para um novo evento, a Cãominhada ‘Fique Fit com seu Pet’. Uma ação social inédita na zona norte promovida pela Infiniti Academia. O objetivo deste evento é arrecadar doações de pacotes de ração e acessórios que serão entregues para as instituições e ONG´s que acolhem animais abandonados ou que sofreram maus-tratos ao longo da vida.

Idealizado por Roberta Seixas, uma das proprietárias da Infiniti Fitness Academia, que será a sede e o ponto de partida do percurso, o evento é mais uma forma de englobar atividade física, tanto para os pets quanto para os donos, ação social, e envolvimento da sociedade com as ações do bairro.”Quando pensamos na ação, três pilares foram importantes na hora de decidirmos. O primeiro a conscientização da sociedade para os maus-tratos cometidos a animais, segundo englobar a sociedade com atividade física gratuita e terceiro levantar arrecadações para instituições “. comentou a empresária.

SERVIÇO
O percurso será em torno do bairro da Casa Verde, um dos mais tradicionais da zona norte da capital paulista. No dia, um palco será montado na rua para a apresentação do percurso e diversas aulas que a academia oferece, onde todos poderão vivenciar a energia das aulas que a Infiniti oferece.

Terão aulas de exercícios funcionais, danças, alongamento, entre outras, será uma manhã muito especial, com muita diversão para os donos e seus animais. Além de poderem registrar esse momento tão especial, no momento Foto.cão, os donos e seus bichinhos terão direito a 1 foto profissional que será postada nas redes sociais da academia, o dono da foto com mais curtidas ganha 1 mês de aula grátis.

ESTRUTURA E SAÚDE
Os donos dos cães podem ficar despreocupados em relação ao conforto dos pets, pois haverá veterinários presentes, eles terão postos de água para hidratação, tendas em frente a academia para proteção do sol e receberão toda a atenção dos presentes no evento.

O trajeto respeitará todas as normas de segurança para os animais domésticos e mostrará como eles também precisam praticar atividades físicas. Para a grande festa são esperadas diversas celebridades que entrarão no clima do evento e levarão seus pets.

Cãominhada Infiniti ‘Fique Fitness com seu Pet’
Dia 27 de agosto de 2016, a partir das 9h da manhã (Concentração com os pets a partir das 8h30)
Rua Atilio Piffer, nº 555 – Casa Verde – São Paulo
Informações: 0xx11 3522-7499

Fonte: Folha Geral http://www.folhageral.com/noticia/sao-paulo/2016/07/caominhada-fique-fitness-com-seu-pet-acontece-em-agosto-em-sao-paulo/#ixzz4Emmj1BeP

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Dicas sobre os cuidados
para enfrentar o ar seco

xxxx

Problemas respiratórios e conjuntivite são os principais problemas que afetam os pets; muitos necessitam até de inalação para amenizar os efeitos da baixa umidade

Sem previsão de chuva para os próximos dias, a baixa umidade do ar em São Paulo também afeta a saúde de cães e gatos. Assim como nós, eles apresentam sintomas como coceiras nos olhos, boca seca, cansaço, dificuldade para respirar e desidratação. Nesta época, há um aumento de incidência de casos de problemas respiratórios e oculares nas clínicas da Petz, para atendimentos ambulatoriais, inalação, oxigenioterapia e até emergências.

“Alguns animais com focinho curto ou achatado, como o shi-tzu, o pug e os bulldogs, que já apresentam dificuldade para respirar, acabam tendo o problema agravado, assim como os filhotes em geral”, afirma a médica veterinária Mariana Paraventi, da Petz.  Para evitar que seu bichinho de estimação tenha qualquer mal por causa do ar seco, a Dr. Mariana orienta a tomar alguns cuidados. Veja a seguir:

Alterações que podem ocorrer:
– Conjuntivite: com o ar seco os olhos dos animais podem ficar mais vermelhos, com  lacrimejamento e coceira. Isso pode fazer com que eles tentem aliviar a coceira com as patinhas, podendo causar lesões ou até levar bactérias para os olhos, causando a infecção chamada de conjuntivite. Animais de focinho mais curto tem mais incidência de conjuntivite. Para aliviar esses sinais pode ser feita a limpeza dos olhos com solução fisiológica. Mas é importante procurar um médico veterinário para que os sinais não persistam ou piorem.
– Problemas respiratórios: alguns animais podem ficar ofegantes e sofrer de crise respiratória nos dias secos. O ideal é evitar caminhadas longas e brincadeiras muito ativas nesses dias.
– Animais de focinho bem curto ou achatados (braquicefálicos) têm dificuldade de respiração e maior predisposição para esses problemas e, assim como filhotes, podem ter aumento de secreção nasal e até contrair gripe.

Recomendações:

– Bichinhos que já sofrem de alguma doença respiratória devem ser levados para o veterinário durante o tempo seco;

– Levar sempre recipientes e água para os passeios;

– Diminuir quantidade de exercícios, principalmente em dias quentes;

– Hidratação com produtos específicos para pets;

– Trocar água várias vezes ao dia;

– Deixar toalhas molhadas ou bacias com água próximos aos locais de descanso, para auxiliar na umidificação do ar;

– Levar sempre seu pet para um check-up para diagnóstico precoce de alterações respiratórias;

– A inalação pode e deve ser feita somente com soro fisiológico para animais com problemas respiratórios durante fases de tempo seco, pois umidifica as vias aéreas e facilita a respiração;

– Umidificadores de ar também são recomendados;

– Manter a vacinação contra a gripe em dia que, assim como todas as outras; fazer o reforço anual;

– Ficar atento a qualquer sinal de tosse, secreção nasal e ocular e dificuldade respiratória grave;
(Fonte: Petz)

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Los abuelos y las mascotas: grandes compañeros

x

La llegada de la tercera edad implica cambios importantes en diferentes aspectos de la vida de una persona. Es un tiempo de contrastes, donde es necesario resignificar muchas de las cosas que ya no son lo que eran. El cuerpo ya no es el mismo, no responde como antes, las actividades que uno solía realizar a diario requieren más tiempo y cuidado, cuando otras ya no pueden ser llevadas a cabo.

Es frecuente que si se trata de personas que han realizado una actividad laboral sostenida durante mucho tiempo, esta etapa coincida con la jubilación, lo que implica una transformación vital de gran significado y un esfuerzo de reacomodación que puede llevar algún tiempo y frecuentemente está acompañado de cierto sentimiento de vacío o inutilidad. El aspecto social también sufre cambios importantes. Han surgido vínculos nuevos por la aparición de nietos, mientras que simultáneamente se han reducido otros, a veces drásticamente, por la partida de familiares o amigos coetáneos.

La etapa de la madurez de la vida va a poner de relieve si uno ha sabido cultivar herramientas que le permitirán hacer de éste un tiempo de gran plenitud. Mantener el cuerpo saludable y activo, encontrar actividades culturales que sirvan de estimulación o esparcimiento y adaptarse a los cambios inevitables con creatividad… son algunos de los factores que harán más fácil el tránsito por esta etapa. Es común que aparezca cierta sensación de vacío, de soledad, un “no saber qué hacer con el tiempo”.

xx

Los hijos y nietos suelen estar inmersos en rutinas llenas de actividades, parece que ya no tuvieran tiempo para nada, y uno teme volverse una molestia. Más allá de estas fantasías que suelen aparecer, sean reales o no, es un tiempo en el que es clave la actitud con la que uno encare cada día. Es momento de activar por uno mismo, de hacer cosas por el propio bienestar y la salud.

Para este momento tan especial, la compañía de una mascota puede resultar ampliamente beneficiosa por muchas razones. Para comenzar, un animal no distingue aspecto físico, edad, educación o vestimenta de su dueño. El tipo de vínculo que ofrece es totalmente desinteresado y dependerá de la reciprocidad que se construya entre ambos. Por lo tanto, si bien hay que tener en cuenta algunas limitaciones prácticas a la hora de pensar en una mascota para una persona mayor, podemos decir que no hay edad para tener “un mejor amigo perro o gato”.

ESTOS SON SÓLO ALGUNOS DE LOS BENEFICIOS DE LA COMPAÑÍA DE UN ANIMAL:

Tener una mascota implica la responsabilidad de su cuidado, lo que necesariamente significa para su dueño el esfuerzo de ocuparse de atenderlo, bañarlo, alimentarlo, pasearlo y jugar con él. Esto favorece el armado de una rutina diaria en torno a la mascota, lo que necesariamente obliga a organizar y estructurar el tiempo de su dueño.

El animalito se vuelve un destinatario de afecto, cariño y atención, además de compañía (aspectos que muchas veces se han perdido por el alejamiento o muerte de seres queridos).

Son estimuladores de la salud, ya que demandan un mínimo de actividad física por parte de sus dueños, sobre todo si son perros a los cuales hay que sacar a pasear varias veces al día. Está demostrado que realizar una rutina activa diaria es una de las acciones más difíciles de mantener en la tercera edad, siendo éste uno de los factores de depresión y de desmejoramiento de la salud. El ejercicio físico moderado pero permanente evita fracturas de caderas y mejora el funcionamiento cardiovascular, entre otros beneficios. Llevar un perro a caminar diariamente (ejercicio que se considera moderado cuando no supera los 20 minutos en cada sesión), ayuda a controlar la tensión arterial, los niveles de grasa en el cuerpo y la sangre, al mismo tiempo que estimula la capacidad pulmonar, casi siempre disminuida por la ausencia de ejercicios físicos. Algo que cabe destacar es que, con la regulación de estos niveles, disminuye también la ansiedad.

Son grandes estimuladores de contacto social ya que, si se trata de un perro, es necesario su paseo, por lo que inevitablemente será motivo e introducción a una conversación, favoreciendo el contacto con otras personas. Cuando hay una mascota de por medio es más fácil entablar una conversación aún con extraños. Son innumerables las historias “de plaza”, lugar de reunión privilegiado de los amantes de los perros y testigo del inicio de nuevos vínculos entre personas de diferentes edades que comparten la misma pasión por los animales. También promueve y estimula la conversación dentro de casa, ya que su dueño suele dirigirse a ellas a diario.

Como vemos, los beneficios son múltiples. Sin embargo no cualquier mascota es apropiada como animal de compañía en esta etapa de la vida. Es importante que sea un facilitador de las costumbres diarias, y que la persona esté en condiciones de hacerse cargo de su cuidado. Una característica importante es que tenga un peso y tamaño que permita ser manipulado con facilidad (se aconseja que no supere los 10 kilos de peso). Si se trata de un perro, la raza debe ser elegida teniendo en cuenta cuales son las características no solo físicas sino temperamentales que el dueño espera del animal.

Por todo esto, y seguramente por muchas cosas más, consideramos que un abuelo y una mascota es una sociedad que no puede fallar.

Lic. Delia Madero Psicóloga

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Inicia prática de CaniCross em Porto Alegre

x

Na manhã de sábado, 2, teve início a prática de CaniCross. Cães e tutores percorreram 2 km no Parque da Redenção. De acordo com os promotores, essa é primeira vez que acontece no RS, pois o esporte nascido na Europa é pouco conhecido por aqui.

Para Letícia Soares, uma das promotoras da I Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó, a iniciativa incentiva o bem-estar tanto do cão quanto do tutor. “Correr com meu cão em um lindo parque, – para mim – é o melhor esporte que pode haver”, comenta.

CaniCross
O esporte nasceu por volta de 1990 na Inglaterra. A prática pode ser executada com o tutor correndo, pedalando ou sendo puxado em um triciclo. Para iniciar o CaniCross, o ideal é a realização de exames médicos (para o cão e tutor). Não existe uma raça que seja mais adequada ao esporte, mas não é recomendável para as pequenas e com focinho menor, em função da exigência física.

Renata Capaverde, da Capaverde Dog Run, recomenda outros cuidados antes de fazer CaniCross: “É preciso um mínimo de adestramento para que seu cão puxe ou seja conduzido durante uma corrida.”

Continuidade
Segundo o promotor do CaniCross no Rio Grande do Sul, Maurício Pinzkoski (também organizador da Vai Totó), o grupo se reunirá, no mínimo, uma vez por mês. “Hoje começamos com quatro conjuntos, quem sabe quantos serão nos próximos encontros?” Ele agradeceu o apoio da Kailash Sul e da Ak Dog pelos equipamentos cedidos.

FONTE: http://nossobairro.jor.br/ambiente-animais/portoalegrenses-iniciam-pratica-de-canicross-no-rs/

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Estado australiano proíbe corrida de galgos

xx

O estado australiano de Nova Gales do Sul anunciou nesta quinta-feira a proibição das corridas de galgos, após uma investigação que revelou o uso de iscas vivas e o sacrifício de milhares de cães considerados muito lentos.

“As corridas de galgos foram proibidas em muitos países e em muitos estados dos Estados Unidos e são legais em apenas oito países do mundo”, escreveu no Facebook o primeiro-ministro do Estado, Mike Baird, que anunciou que a proibição se tornará efetiva em 1º de julho de 2017.

“Entendo a decepção das pessoas que gostam de apostar com cachorros. Mas não podemos admitir os maus-tratos generalizados e sistematizados dos animais”, acrescentou.

A indústria australiana das corridas de galgos é uma das mais ativas do mundo. Na Austrália são muito populares e costumam ser realizados nos canódromos, um circuito no qual os galgos correm atrás de uma lebre mecânica.

Mas no ano passado a televisão pública ABC revelou que nos treinamentos eram utilizados porcos pequenos, coelhos e gambás, que depois eram devorados pelos cães.

As iscas vivas estão proibidas e a reportagem da televisão levou as autoridades de Nova Gales do Sul a abrir uma investigação que também revelou que os cachorros considerados muito lentos eram sacrificados.

Segundo a investigação, ao menos 68.000 cachorros foram sacrificados nos últimos 12 anos e acredita-se que entre 10% e 20% dos treinadores usam iscas vivas.

(Fonte: Revista Istoé virtual)

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Link Pet: Record News estreia boletim sobre o mundo animal

A bichoterapeuta, Luiza Cervenka, dá dicas gerais sobre o universo dos pets

A partir do mês de julho, a especialista em comportamento animal, Luiza Cervenka, estreia o boletim Link Pet. Ao longo da programação da Record News, a bióloga vai dar dicas sobre saúde, regras que envolvem os bichinhos, curiosidades e cuidados especiais. “É mais um espaço dedicado ao mundo animal dentro da grade da emissora. Nós recebemos muitas dúvidas dos telespectadores e sabemos que é um assunto de interesse do público em geral”, explica Luiza.

Luiza também faz participações, todas as sextas-feiras, no Link Record News, comandando por Lidiane Shayuri e Clébio Cavagnolle. “Levo casos interessantes ao estúdio.  A audiência também participa, apontando as dificuldades que enfrentam, e eu tento ajudar a entender e a lidar com o bichinho de estimação”, explica a colunista.

O Link Record News é transmitido em real time no portal do R7. Tanto a primeira edição, veiculada às 11h, quanto a segunda edição, que vai ao ar às 15h.

Em São Paulo, capital, é possível assistir à Record News pelos canais 42 UHF, 78 NET DIGITAL, 55 E 441 VIVO TV.

E para saber como sintonizar em outras regiões, acesse http://noticias.r7.com/record-news/como-sintonizar-26022015

Sobre a Record News
A Record News foi criada em 2007 com a proposta de ser o primeiro canal aberto de notícias do Brasil. Com o objetivo de ser fonte de informação de qualidade para o telespectador, a emissora tornou-se líder em audiência entre os canais de notícias. Atualmente, a rede alcança 106 milhões de potenciais telespectadores em todo o país e cerca de 34 milhões de domicílios. A Record News conta com jornalistas de forte credibilidade, como Heródoto Barbeiro e Fátima Turci, que produzem alguns dos melhores conteúdos jornalísticos da televisão brasileira na atualidade.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Portoalegrenses iniciam a prática de CaniCross no RS

Manhã de sábado (02.07), temperatura agradável e um terreno ideal na Redenção, esses foram os elementos que contribuíram para o início da prática de um esporte nascido na Europa e pouco conhecido por aqui, o CaniCross.

Para Letícia Soares, uma das promotoras da I Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó, a iniciativa incentiva o bem-estar tanto do cão quanto do tutor. “Correr com meu cão em um lindo parque, numa manhã de sábado, – para mim – é o melhor esporte que pode haver”, comenta empolgada.

CaniCross
O esporte nasceu por volta de 1990 na Inglaterra. A prática pode ser executada com o tutor correndo, pedalando ou sendo puxado em um triciclo. Para iniciar o CaniCross o ideal é a realização de exames médicos (para o cão e dono). Não existe raça, mas as pequenas e com fuço reduzido não são as ideias pela exigência física que o animal sofre.

Renata Capaverde, da Capaverde Dog Run, recomenda outros cuidados antes de fazer CaniCross: “O mínimo de adestramento é preciso para que seu cão puxe ou seja conduzido durante uma corrida”, alerta.

Continuidade
Segundo o promotor do CaniCross no Rio Grande do Sul, Maurício Pinzkoski (também organizador da Vai Totó), para começar o grupo se reunirá, no mínimo, uma vez por mês. “Hoje começamos com quatro conjuntos, quem sabe quantos serão nos próximos encontros? Aproveito e agradeço ao apoio da Kailash Sul e da Ak Dog pelos equipamentos cedidos para começarmos”, finalizou Pinzkoski.

O evento que marcou o começo da prática do CaniCross, percorreu 2Km sob os olhares curiosos de quem passeava no parque Farroupilha.
Mais detalhes sobre o CaniCross e futuros treinos, no site http://www.vaitoto.dog.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Abertas as inscrições para a 1ª Competição Aberta de Agilidade e Adestramento com Cães do CBMRS

O Agility é uma competição aberta à participação de todos os cães, consiste na  transposição de diferentes obstáculos, buscando a melhoria de agilidade e inteligência do cão. É uma atividade esportiva e educativa que pretende melhorar a integração dos cães dentro da sociedade.

Será realizada no dia 02 de julho, Dia Nacional do Bombeiro, às 11h no Parque Farroupilha (Redenção).

A competição tem como público alvo os Militares Estaduais da Ativa ou da Reserva Remunerada, bem como para civis que preencherem os requisitos do presente edital.

As inscrições com envio do formulário de inscrição via e-mail estarão abertas do dia 24/06/2016 a partir das 18h até o dia 01 de julho de 2016 às 18h. Após este período, as inscrições poderão ser realizadas no local da competição no dia 02 de julho até as 10h.

Para se inscrever basta seguir os seguintes passos:

Passo 1: Ler o edital através do link abaixo, ficando ciente dos requisitos:

Edital Rescue Dog Agility 2016

Passo 2: Baixar o Formulário de Inscrição em PDF editável através do link abaixo:

Formulário de Inscrição Rescue Dog Agility 2016

Passo 3: Preencher o Formulário de Inscrição e enviá-lo para o e-mail lucilda@bm.rs.gov.br

Dúvidas entrar em contato através do telefone 51-33272100 das 12:30 às 18:30 (Seção de Ensino – Aluna Oficial Lucilda).

(FONTE: http://www.cbm.rs.gov.br/?p=8968)

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Iniciativa inédita arrecada 2 toneladas de ração

TOT_0816

Pense na mais ousada e diferente ideia de ação beneficente. Agora imagine planejar a ação para 50 participantes e atingir mais de 400 pessoas, quase 100 cães e 2 toneladas de ração arrecadadas em benefício de cães desassistidos. Esse foi o resumo da I Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó. “Foi uma ideia simples, que ninguém tinha realizado e que fizemos porque amamos os animais e também as corridas”, comentou a organizadora, Letícia Soares, da Age! Comunicação.

A primeira edição do evento aconteceu no dia 3 de abril no parque Ramiro Souto, no Parque da Redenção, com o apoio da Secretaria de Esportes – SME, Secretaria do Meio Ambiente e Secretaria Especial dos Direitos Animais – SEDA de Porto Alegre. Segundo dados estatísticos do IBGE, a Porto Alegre é uma das cidades gaúchas com mais pet e, também, é uma das que mais tem sedentários. O objetivo de fazer os cães se mexerem e, com isso, movimentar os proprietário, foi a fórmula do sucesso para a ação.

A Vai Totó também contou com eventos paralelos como apresentação de agility da empresa Dogs School, sorteio de brindes e apresentação de adestramento do Batalhão de Operações Especiais da Brigada Militar – BOE. “Com o apoio dos nosso patrocinadores Farmácia Jockey Clube, Premier Rações e Bayer, pudemos realizar um evento que trouxe atrações para toda a família”, comentou Maurício Pinzkoski da Age! Comunicação.

Doação de 2 toneladasIMG_3563Para participar da corrida ou da caminhada beneficentes, os participantes contribuíram com ração, somando cerca de 500 kg de doações. O restante, 1500 Kg, foi doado pela patrocinadora Premier Rações.

A doação das 2 toneladas aconteceu dia 12 de junho durante a edição mensal do Brechocão, que aconteceu também na Redenção. O evento foi prestigiado pelo prefeita de Porto Alegre, José Fortunati, pela deputada estadual Regina Becker, por Maurício Pinzkoski, além de representantes da Bayer e da Premier.

AgradecimentosIMG_2955
A I edição do evento Corrida e Caminhada Vai Totó 2016, foi encerrada com agradecimentos no último dia 13, na Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. Voluntários, patrocinadores e apoiadores receberem um agradecimento especial e assistiram a apresentação do relatório final do evento. Estiveram presentes representantes da Premier, Farmácia Jockey Clube, Brigada Militar, Empório Pet, CapaVerde Dog Run, Grupo Record de Comunicação e as deputadas estaduais Regina Becker e Liziane Bayer.

Em gestação
Sempre pensando em ações sociais com foco no bem-estar animal e na responsabilidade social, a Age! Comunicação está gestando importantes projetos ainda para 2016. Um deles é a Vai Totó Especial que ajudará na interação de crianças especiais com cães. Também tem a Vai Totó Ultramaratona que será uma ação de impacto para chamar atenção à causa animal e a Vai Totó CrossCanin que trata da difusão do esporte homónimo no Rio Grande do Sul.

E para 2017 a II edição da Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó já tem data. Guarde o dia 02 de abril que será o início do circuito de três etapas da Vai Totó 2017 que além de contar com três etapas que somarão pontos, terá a categoria exclusiva infantil.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Personal trainer de cachorros prepara animais para corrida

NITERÓI — Professor de Educação Física há 15 anos e um dos responsáveis por trazer a competição Canicross para o Brasil no ano passado, William Oliveira acaba de lançar o serviço de dog runner na cidade. Em vez de treinar pessoas, seu papel é o de personal trainer de cachorros.

— Observei que os tutores (como ele se refere aos donos dos cães) e passeadores de cachorros, na maioria das vezes, dão aquele passeio rápido com os animais, o que nem sempre é suficiente para gastar a energia deles. Vi também que há muitos cachorros que estão gordinhos e comecei a pensar no serviço que poderia criar para levar mais saúde e bem-estar à vida desses animais — conta Oliveira.

FREQUENCÍMETRO E GPS

Durante o treino, os cachorros são monitorados com um frequencímetro, e o dono poderá acompanhar todo o percurso feito por meio de um GPS, que gravará o caminho percorrido.

— Todas as corridas serão monitoradas, até mesmo para que eu possa montar o treinamento e condicionar o animal. No Brasil, ainda não se fala no assunto, mas na França já tem documentos que comprovam que o mesmo treino que serve para uma pessoa serve também para um cachorro — explica o professor.

Dono de cinco cães, Oliveira corre com cada um deles ao menos cinco quilômetros, quatro vezes na semana.

— Os benefícios da atividade física são os mesmos que para nós, humanos. A mudança de comportamento pode ser observada logo no primeiro dia. A médio prazo, o animal ficará mais sossegado, latirá menos e vai até respeitar e obedecer mais a seu tutor, pois estará cansado — garante o dog runner.

Oliveira explica ainda que o exercício ajuda a combater doenças causadas pelo sedentarismo, como obesidade, diabetes e colesterol alto. Diz também que auxilia no retardamento de doenças articulares.

— O exercício ajuda, por exemplo, na displasia coxofemoral que acomete a maioria dos cães — assegura o profissional.

Oliveira estimula quem deseja correr com seus próprios animais, e até passa alguns conselhos importantes:

— Para saber se o cão está cansado, basta olhar em sua língua. Se a coloração estiver rosa, sinal de que está tudo bem. Se tiver escura é porque a intensidade está muito alta. Nunca usem sapatinhos ou roupas nos animais, pois eles precisam fazer a troca de calor, e um dos principais meios de conseguirem isso são as patas. Evitem realizar atividades de alta intensidade sob temperaturas acima de 27 graus, pois eles podem superaquecer e até morrer repentinamente.

Por enquanto, o serviço dog runner só pode ser contratado nos bairros de Icaraí, Santa Rosa e São Francisco. Uma restrição é que Oliveira não corre com mais de um cachorro, a menos que o dono tenha mais de um animal e deseje que eles façam a atividade juntos.

— Posso fechar pacotes com as pessoas que tiverem interesse em me contratar. Os preços variam de acordo com o tipo do serviço contratado — afirma.
Fonte: Jornal O Globo, Maíra Rubim

Organizadores da Vai Totó prestam homenagem à voluntários e parceiros

WhatsApp-Image-20160613

Mais de 400 participantes, 2 toneladas de ração doadas, 60 protetoras selecionadas pela Secretaria Especial dos Direitos Animais – SEDA e mais de 500 cães beneficiados. Esse foi o saldo da 1° Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó 2016 que se encerrou ontem, dia 13, com homenagem aos voluntários, empresas e instituições apoiadoras na Assembleia Legislativa.

A Vai Totó aconteceu no dia 03 de abril no parque Ramiro Souto (Redenção) e além da corrida e caminhada, também contou com sorteio de brindes, apresentação de agility da empresa Dogs School e do adestramento do canil do Batalhão de Operações Especiais (BOE) da Brigada Militar.

Segundo a organizadora, Letícia Soares, o objetivo foi incentivar – além da doação – o bem-estar físico tanto dos animais quanto dos seus proprietários. “Porto Alegre é uma das capitais que tem muitos sedentários e obesos, segundo o Ministério da Saúde, nossa ideia era simples: incentivar e promover atividades físicas com seus pets”, declarou Letícia.

A Vai Totó foi promovida pela Age! Comunicação com patrocínio da Bayer, Premier Rações e Farmácia Veterinária Jockey Clube. Também contou com o apoio da SEDA, Secretaria de Esportes – SME, PetJog, Empório Pet, NoFaro Plano de Saúde Animal, CapaVerde Dog Run, LZ Comunicação Visual, Site Correr é Fácil, Sogipa, ClicRun, Kennel Clube RS e Grupo Record RS de Comunicação.

O evento de encerramento além de ter sido prestigiado por voluntários e empresas apoiadoras, também recebeu as deputadas Liziane Bayer – PSB/RS e Regina Becker – REDE.

A próxima edição já tem data marcada para 2017, será no dia 02 de abril no mesmo local. “A Vai Totó é um projeto social que visa lucro social. Nosso objetivo é, de forma planejada e organizada, promover inúmeras ações em benefício dos animais”, finalizou Maurício Pinzkoski.

Vai Totó no jornal Correio do Povo 14.06.2016

(Jornal Correio do Povo, 14.06.2016)

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Vai Totó e patrocinadores doam 2 toneladas de ração

13411734_1109404009120943_5093695490021895507_o

No dia 3 de abril, no parque Ramiro Souto, Porto Alegre viu nascer a I Corrida e Caminhada Vai Totó. Um evento beneficente organizado pela Age! Comunicação com o apoio de diversas empresas, entre elas as patrocinadores, Bayer, Premier Rações e Farmácia Jockey Clube. A Vai Totó aconteceu com o apoio integral da Secretaria Especial dos Direitos Animais – SEDA, Secretaria Municipal de Esportes, Recreação e Lazer – SME e Secretaria do Meio Ambiente – SMAM.

A Corrida e Caminhada Vai Totó foi um além das atividades físicas com cães e seus tutores, foi um evento completo contando, também, com a apresentação do canil  do Batalhão de Operações Especiais da Brigada Militar – BOE-BM e agility da empresa Dogs School.

Pois ontem, dia 12, no mesmo local em que nasceu a Vai Totó e junto à realização dos eventos da SEDA, o Brechocão e o Me Adota?, a organização fez a doação às protetoras cadastradas na Secretaria.

O evento de entrega, além de contar com a presença dos patrocinadores, também foi prestigiado pelo prefeito José Fortunati, pela deputada estadual Regina Becker e pelo ex-Secretário de Educação Vieira da Cunha.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Roupas de frio para pets? Saiba como medir e acertar no tamanho da roupinha

Pet shop online cria passo a passo que ensina a descobrir o tamanho do seu animal de estimação

Tamanho 1 ou 2? G… talvez, GG? Será que serve? Essas são dúvidas que sempre aparecem quando vamos comprar uma roupinha para o nosso pet. Além dos tamanhos, os diversos modelos disponíveis podem confundir também na hora da escolha da medida certa.

Para auxiliar na hora da compra, a especialista em pets Karen Neves, da loja virtual Zen Animal (zenanimal.com.br), criou um passo a passo sobre como medir o seu cão, para que os donos possam comparar as medidas na hora de escolher os produtos.

A dica é medir as três partes do corpo: comprimento, pescoço e tórax. Muitos donos medem apenas o comprimento ou se baseiam no peso do animal e quando chega em casa a roupa não entra. Saber medir de forma correta também evita que a roupinha aperte ou incomode.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

SEDA – Facebook – maio.2016

Vai Totó visita Unidade de Medicina Veterinária da SEDA

13268530_1154896484552558_8539474392919864087_oORGANIZADORES DA CORRIDA VAI TOTÓ CONHECEM A UMV

O promotor da Corrida e Caminhada Beneficente Vai Totó, Mauricio Pinzkoski, da Age Comunicação, visitou, na tarde desta sexta-feira, 20, a Unidade de Medicina Veterinária (UMV/SEDA). O evento reuniu no dia 3 de abril, cerca de 400 competidores, com seus cães de estimação, na pista Ramiro Souto, do Parque Farroupilha. As cerca de duas toneladas de ração, arrecadadas com as inscrições e patrocinadores da competição, serão distribuídas, neste domingo, durante o evento Brechocão, aos protetores e protetoras cadastradas na Secretaria Especial dos Direitos Animais (SEDA).

Depois de conhecer a estrutura de atendimento e ser apresentado a veterinários e servidores da área administrativa, Maurício elogiou o trabalho da Seda. “Com certeza nossa parceria não ficará apenas nesta primeira competição”, garantiu, ao lembrar que idealiza um circuito de corridas do Vai Totó. Também participou da visita, Fernanda Frantz, representante da Bayer, uma das empresas patrocinadoras do evento, que doou coleiras contra carrapatos para os cães em tratamento. A secretária adjunta Fabiane Tomazi Borba, também mostrou as obras da nova Unidade Veterinária que está em obras e tem previsão de conclusão para outubro.

(Fonte/Fotos: Ari Teixeira/SEDA)

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Site Assembleia Legislativa – maio.2016

Vai Totó visita canil da Brigada

WhatsApp-Image-20160512 (4).jpgCrise financeira compromete projetos do Canil do BOE

Na manhã desta quinta-feira, dia 12.05, os organizadores da Corrida e Caminhada Vai Totó – Letícia Soares e Maurício Pinzkoski –, acompanhados da deputada Liziane Bayer, visitaram o canil do Batalhão de Operações Especiais da Brigada Militar, em Porto Alegre.

Uma explanação formal, na sala de treinamento do canil, apresentações de agility, adestramento e busca de entorpecentes, além de visita a cada um dos 28 cães no canil, foram atividades ocorridas durante a reunião. O Canil da BM já desenvolveu serviços como: patrulha nas ruas, parques, praças e eventos, busca e apreensão de entorpecentes, tratamento através da cinoterapia, visitas em escolas, hospitais, associações e empresas, adestramento para uso de deficientes visuais entre outros de grande relevância.

“Os serviços que vocês desenvolvem aqui é fundamental para nossa sociedade tanto na área de segurança quanto de cultura”, comentou Pinzkoski.

Também com mérito por sua grande importante, o Programa Educacional de Resistência às Drogas e Violência – PROERD, desenvolvido desde 1998, só apresentam números positivos. Foram 551 instrutores Policiais Militares voluntários, 451 municípios e 539.282 mil alunos formados nas escolas públicas e privadas.

Para o Capitão Boeira a parceria público privada, na questão de projetos sociais, só vem somar. “Nosso batalhão participou da Corrida e Caminhada Vai Totó e, agora, também podemos fazer um evento semelhante aqui. Temos espaço e obstáculos que desaviarão todos os participantes”, relatou.

Participaram da reunião o Capitão César Vinícius Boeira, Sargento Evaldo Dornelles da Silva, estagiária de veterinária Camila, Capitão Narciso Côrrea e Capitão Cabreira.

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Jornal bancada PSB – maio.2016

Jornal da Bancada PSB maio.2016.jpg

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Site da SEDA – abril.2016

Seda abril.2016

LEIA http://www2.portoalegre.rs.gov.br/seda/default.php?p_secao=62

13086741_1138707509504789_5601035536636427865_o

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Jornalecão – março.2016

 O Jornalecão março.2016 II

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Jornal Zero Hora – coluna Informe Especial, 04.04.2016
IMG-20160404-WA0003

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Jornal Correio do Povo, 03.04.2016

Corrida beneficente reúne 300 cães na Redenção
C do Povo
Foto: Samuel Maciel

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –
Programa de TV Balanço na Rede – TV Record 03.04.2016

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Programa de TV Balanço Geral TV Record 02.04.2016

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Jornal Zero Hora – coluna Informe Especial
AgYvS3lzsK9a84pNUxZJddAPYGKrTrtSH9YGpUgXK7iU

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Programa de TV Rio Grande Record 31.03.2016 

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Revista Meu Pet 31.03.2016 

http://revistameupet.com.br/saude/evento-vai-toto-promove-corrida-e-caminhada-beneficente/3264/#

Revista Meu Pet

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Site Aberje 30.03.2016

LEIA http://www.aberje.com.br/acervo_not_ver.asp?ID_NOTICIA=13784&EDITORIA=Geral

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

 Site Sogipa 17.03.2016

LEIA http://www.sogipa.com.br/portal/noticias/12260/vai-toto-vai-reunir-caes-e-seus-donos-em-corrida-e-caminhada-na-redencao/

Sogipa 17.03.2016

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

 Twitter Sogipa 17.03.2016

Twittr Sogipa-2

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Programa de TV Bibo Nunes Show 16.03.2016

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Programa de TV Octo Algo + 14.03.2016

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Site Correr é Fácil 23.02.2016

LEIA http://www.correrefacil.com.br/#!CORRIDA-VAI-TOT%C3%93/cmbz/56cccc330cf24bcda471feae

Correr é Fácil 23.02.2016

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Site SignedEvents

LEIA https://signedevents.com/brazil/porto-alegre/corrida-e-caminhada-vai-toto/

SignedEvents

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Site AllEvents

LEIA https://allevents.in/porto%20alegre/corrida-e-caminhada-vai-tot%C3%B3/1007167472704563

AllEvents

– – – – – – – – – – – – – – – – – – – – –

Revista Cães e Gatos

LEIA http://agendacaesegatos.com.br/evento/1a-corrida-e-caminhada-beneficente-vai-toto-recebe-patrocinio-da-bayer

Cães e Gatos